Negócios

CEO do Deutsche Bank América Latina pretende deixar o cargo

deustche

Bernardo Parnes, presidente do Deutsche Bank do Brasil e CEO da América Latina, planeja deixar o cargo em agosto. De acordo com informações do site Bloomberg, o anúncio foi feito de forma informal, através de fonte que não foi revelada pelo grupo de notícias.

O executivo, que assumiu o cargo em 2008, tem em seu currículo passagens pelo Merrill Lynch e Bradesco BBI SA, além de ter administrado a fortuna do bilionário Joseph Safra.

O banco alemão está saindo de países da América Latina, incluindo a Argentina, México e, posteriormente, Chile, Peru e Uruguai. O plano da instituição financeira é demitir metade dos funcionários do escritório brasileiro, mas permanecer com transações globais, que incluem administração de fortunas para clientes, serviços de seguro e financiamentos.

Comentários
Topo