Negócios

Apple anuncia venda de seu bilionésimo iPhone

(iStock)

(iStock)

Poucos dias depois do Facebook anunciar ao mundo que um bilhão de pessoas haviam decidido baixar o Messenger, a Apple finalmente vendeu um bilhão de iPhones. O dado foi anunciado pelo CEO da Apple, Tim Cook, ontem (27), em encontro com funcionários da empresa.

Embora seja um aparelho muito popular, o iPhone viu uma queda de 15% nas vendas nos últimos três meses.

LEIA MAIS: A mulher que está revolucionando a desigualdade de gênero no Vale do Silício

O iPhone se tornou um dos produtos mais impactantes e bem-sucedidos da história da telecomunicação. Atualmente, os celulares da Apple são mais que uma companhia constante, eles são parte essencial da vida cotidiana de seus usuários e auxiliam os usuários na maioria das ações do dia a dia.

“A empresa passou por mais um marco na semana passada quando vendemos o bilionésimo iPhone. Nunca focamos no sucesso, mas acabamos conseguindo chegar lá. Obrigado a todos da Apple por ajudar a mudar o mundo”, disse Tim. Porém, embora tenha agradecido aos empregados em seu discurso, Cook deveria ter direcionado sua gratidão aos seus clientes. Afinal, são eles que compram os iPhones e apoiam as novas atualizações do iOS.

Comentários
Topo