Negócios

Justiça dos EUA pede que Facebook mostre documentos fiscais

960x0

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos conseguiu na última quarta-feira (6) um mandado para forçar o Facebook a responder a uma série de intimações emitidas por um agente da Receita Federal norte-americana. O motivo é o uso de subsidiárias estrangeiras para transferir recursos de propriedade intelectual.

Manobras similares se tornaram comuns no Vale do Silício, onde as empresas frequentemente enviam recursos a jurisdições que pagam menos impostos, reduzindo – ou até eliminando – os impostos pagos ao governo dos EUA.

VEJA MAIS: Como Mark Zuckerberg foi o bilionário que mais faturou no último ano

Um porta-voz da companhia de Mark Zuckerberg se recusou a responder a perguntas sobre o caso e disse apenas que “o Facebook está de acordo com todas as regras e regulamentos nos países em que opera”.

No ano passado, a Microsoft não atendeu à Receita Federal, que convocava o antigo CEO, Steve Ballmer, a depor em um caso parecido. O mesmo aconteceu com o CEO da Amazon, Jeff Bezos, no entanto, ele não foi convidado a depor.

Apenas em 2012, as 50 maiores empresas do Vale do Silício “pouparam”, juntas, mais de US$ 225 bilhões em impostos.

Comentários
Topo