Negócios

Como Usain Bolt ganha US$ 33 milhões por ano

Getty Images

Getty Images

O corredor jamaicano Usain Bolt quer consolidar seu legado nas Olimpíadas como o maior velocista da história do atletismo. Ele quer ser o primeiro a conquistar três medalhas de ouro consecutivas – nas provas de 100 e 200 metros rasos. Bolt já alcançou o feito nos 100 metros ao vencer na noite de ontem (14), no Rio de Janeiro.

Além de quebrar barreiras nas pistas, Bolt vem fazendo história como o atleta mais bem pago na história de seu esporte. Seus ganhos de US$ 32,5 milhões em aparições, prêmios em dinheiro e patrocínios nos últimos 12 meses é aproximadamente 10 vezes maior do que o de outras estrelas do atletismo como Mo Farah e Ashton Eaton.

LEIA MAIS: 14 atletas mais bem pagos da Olimpíada Rio 2016

Bolt estourou na cena mundial na Olimpíadas de Pequim em 2008, onde estabeleceu recordes mundiais nas provas de 100 e 200 metros rasos, além do 4 x 100. Na época, os únicos patrocinadores de Bolt eram a marca de material esportivo Puma e a companhia telefônica jamaicana Digicel. Isso mudou rapidamente após a performance histórica.

Representantes da Gatorade, Hublot e Virgin entraram em contato com o homem mais rápido do mundo para que ele representasse suas marcas. Gatorade lançou o Gatorade Bolt, uma nova bebida com sabor de sorvete de limão. A Visa assinou um contrato com o velocista e utilizou sua imagem em campanhas na Europa. Atualmente, o protfólio de patrocinadores de Bolt inclui 10 parceiros globais, cujos pagamentos variam de US$ 1 a 4 milhões. A Puma tem um destaque maior por ter um contrato de oito dígitos com o corredor.

LEIA MAIS: EUA irá pagar US$ 25 mil a atletas que ganharem ouro

Ele também tem seu próprio personagem no jogo “Temple Run”, já instalado mais de um bilhão de vezes em celulares ao redor do mundo.

Enquanto Bolt lida com sua performance nas pistas, seu agente com sede em Londres Ricky Simms coordena tudo fora das pistas. O ex-corredor e dono da PACE Sports Management tem uma parceria com Bolt há mais de 10 anos e agencia quase 50 atletas por meio de sua empresa.

LEIA MAIS: 5 dicas de como dar a volta por cima segundo a campeã Rafaela Silva

A Puma continua sendo a maior apoiadora de Bolt atualmente. Seu acordo com a marca lhe rende mais de US$ 10 milhões anualmente e inclui bônus por recordes e medalhas nas principais competições. O acordo com a marca esportiva alemã ajudou o velocista a se tornar o 32° atleta mais bem pago do mundo, com ganhos de US$ 30 milhões nos últimos 12 meses.

Bolt já não pode ser comparado com outros corredores há tempos. Seus ganhos com patrocínios só são comparáveis com os de ícones globais como Cristiano Ronaldo, LeBron James, Roger Federer e Lionel Messi. Ao se manter no topo da lista de melhores atletas do mundo e não se envolver em nenhuma controvérsia, ele preenche todos os requisitos necessários para que as marcas queiram apoiá-lo.

Comentários
Topo