Negócios

Zuckerberg vende US$ 95 milhões em ações do Facebook em prol da caridade

Getty Images

Getty Images

CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, e sua mulher, Priscilla Chan, começaram a cumprir a promessa de doar 99% de sua riqueza para causas sociais. Na última quarta (17) e quinta-feira (18), as duas instituições de caridade do casal, Chan Zuckerberg Foundation e CZI Holdings LLC, venderam ações do Facebook avaliadas em US$ 95 milhões, sem os impostos.

LEIA MAIS: Warren Buffett doa US$ 2,9 bilhões à caridade em um dia

As vendas renderam mais de US$ 85 milhões, com a dedução das taxas, que devem ser arcadas pela CZI Holdings, já que a empresa não é uma fundação sem fins lucrativos.

LEIA TAMBÉM: 25 maiores doadores dos Estados Unidos de 2015

Zuckerberg e Priscilla anunciaram seus planos de doar 99% de suas ações do Facebook para causas filantrópicas em um post na rede social em dezembro de 2015, quando a filha do casal, Max, nasceu. Na época, os papéis da companhia estavam avaliados em US$ 45 bilhões.


E AINDA: Zuckerberg ganha US$ 3,4 bilhões em apenas uma hora

Para cumprir com sua palavra, a dupla criou a Chan Zuckerberg Initiative, cujo objetivo é fundar instituições que foquem em “aumentar o potencial humano e promover a igualdade”. Há ainda a meta de investir em pesquisas para a cura de doenças, melhorar a educação ao redor do mundo e fortalecer comunidades.

MAIS LISTA: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

O primeiro investimento da Zuckerberg Initiative, em junho último, foi na Andela, uma startup que treina engenheiros africanos para que consigam vagas na indústria de tecnologia.

Comentários
Topo