Zuckerberg vende US$ 95 milhões em ações do Facebook em prol da caridade

Getty Images
Getty Images

CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, e sua mulher, Priscilla Chan, começaram a cumprir a promessa de doar 99% de sua riqueza para causas sociais. Na última quarta (17) e quinta-feira (18), as duas instituições de caridade do casal, Chan Zuckerberg Foundation e CZI Holdings LLC, venderam ações do Facebook avaliadas em US$ 95 milhões, sem os impostos.

LEIA MAIS: Warren Buffett doa US$ 2,9 bilhões à caridade em um dia

As vendas renderam mais de US$ 85 milhões, com a dedução das taxas, que devem ser arcadas pela CZI Holdings, já que a empresa não é uma fundação sem fins lucrativos.

LEIA TAMBÉM: 25 maiores doadores dos Estados Unidos de 2015

Zuckerberg e Priscilla anunciaram seus planos de doar 99% de suas ações do Facebook para causas filantrópicas em um post na rede social em dezembro de 2015, quando a filha do casal, Max, nasceu. Na época, os papéis da companhia estavam avaliados em US$ 45 bilhões.


E AINDA: Zuckerberg ganha US$ 3,4 bilhões em apenas uma hora

Para cumprir com sua palavra, a dupla criou a Chan Zuckerberg Initiative, cujo objetivo é fundar instituições que foquem em “aumentar o potencial humano e promover a igualdade”. Há ainda a meta de investir em pesquisas para a cura de doenças, melhorar a educação ao redor do mundo e fortalecer comunidades.

MAIS LISTA: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

O primeiro investimento da Zuckerberg Initiative, em junho último, foi na Andela, uma startup que treina engenheiros africanos para que consigam vagas na indústria de tecnologia.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).