Negócios

Companhia levanta US$ 48 mi para criar tecnologia antifumo

Sete  em cada 10 fumantes têm o desejo de parar (iStock)

Sete em cada 10 fumantes têm o desejo de parar (iStock)

Uma startup de San Francisco iniciou mais uma rodada de investimentos para criar o que eles dizem ser a nova solução para quem quer parar de fumar.

A Chrono Therapeutics já levantou US$ 47,6 milhões com investidores interessados no negócio.

Cerca de 40 milhões de adultos fumam nos Estados Unidos, um problema de saúde pública que afeta a economia do país: a cada ano, são US$ 170 bilhões para tratar de pacientes com consequências causadas pelo cigarro.

VEJA MAIS: Sucesso dos vaporizadores reformula o mercado tabagista e preocupa gigantes do meio

Em uma pesquisa de 2010, organizada pelo Centro de Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, mostrou que 7 em cada 10 fumantes têm o desejo de parar, mas que, mesmo recorrendo a remédios como vareniclina (Chantix) e bupropiona (Zyban), não conseguem largar o vício.

Para resolver o problema, a ideia da Chrono é juntar tratamento medicinal com terapias de longa duração, com conversas com psicólogos ao longo de todas as etapas.

E AINDA: Gigante tabagista chama brasileira para restabelecer a cultura de suas marcas

O principal aparelho que irá compor o kit de tratamento será uma série de tiras com baixas doses de nicotina para satisfazer a necessidade corporal nos momentos mais difíceis. As tiras, que também farão uma análise do comportamento do organismo dos pacientes, serão equipadas com um sensor Bluetooth, que enviará todas as informações a um smartphone.

Os dados serão armazenados no telefone dos usuários e mostrarão a evolução do paciente durante o tratamento.

Comentários
Topo