Negócios

Família Amaro vende parte da Latam por US$ 296 milhões

Maurício Rolim Amaro (Divulgação)

Maurício Rolim Amaro, bilionário filho do ex-presidente da TAM (Divulgação)

A família Amaro, descendente de Rolim Amaro, ex-presidente da TAM, e, hoje, uma das controladoras da Latam, vendeu 6,47% da companhia aérea por US$ 296 milhões nesta sexta-feira (23) na Bolsa de Santiago.

RANKING: 70 maiores bilionários do Brasil em 2016

De acordo com a Reuters, a família Cueto, fundadora da LAN e acionista majoritária da Latam, concordou previamente em comprar as ações dos Amaro.

VEJA TAMBÉM: Os próximos desafios de Maurício Rolim Amaro e da LATAM

A Latam Airlines surgiu oficialmente há um ano, com a já esperada fusão da brasileira TAM e a chilena LAN. Filho do ex-presidente da TAM, Maurício Rolim Amaro é o representante da família que, ao lado da irmã Maria Cláudia e a mãe Noemy, tem uma fortuna estimada em R$ 1,84 bilhão, em cálculo feito antes da venda dos ativos.

E MAIS: Como Marcos Amaro deixou os negócios de lado pelo amor à arte

Atualização às 17h20

Em nota, a nega afirma que a informação de venda é improcedente. De acordo com Maurício Amaro, chairman do Grupo Latam, houve “um pacto para consolidação do controle da companhia. A medida se fez necessária devido à diluição em 11% de todos os acionistas, resultante da entrada da Qatar Airlines no capital acionário do grupo sul-americano”.

O comunicado afirma ainda que, na reestruturação acionária, a família Amaro teve sua participação direta no Grupo Latam reduzida de 12% para 10,69%.

Comentários
Topo