Negócios

Bilionário Stephen Schwarzman ganha US$ 250 milhões em cinco dias

Getty Images

As ações do grupo de private equity Blackstone aumentaram 4% na última semana ao fecharem vendas no valor de US$ 6,5 bilhões. Este aumento foi bastante lucrativo para Stephen Schwarzman, o CEO da empresa. Sua renda subiu cerca de US$ 250 milhões, totalizando US$ 10,2 bilhões.

Na segunda-feira (24), a empresa anunciou que venderia 25% das ações da Hilton Worldwide Holdings para o conglomerado chinês HNA Group, pelo valor de US$ 6,5 bilhões. Isto resultou no aumento das ações da Blackstone em 3% na quarta-feira (26), que atingiram o valor de US$ 25,39.

LEIA MAIS: Jeff Bezos perde US$ 3,2 bilhões em uma hora

No dia seguinte, na quinta-feira (27), a empresa anunciou os resultados do trimestre, que estavam 10% acima da expectativa de analistas, com lucro de 57 centavos por ação. Pela força da companhia no mercado imobiliário, nos fundos de cobertura e em divisões de crédito, as ações subiram novamente, para o valor de US$ 25,65.

Apesar dos ganhos de Schwarzman na última semana, o financiador nova-iorquino não deve estar surpreso com o aumento de sua fortuna pessoal. A carreira dele foi baseada em gerenciamento, ganho de comissões e acúmulos de fortunas. Schwarzman cofundou o grupo Blackstone com o bilionário Peter Peterson em 1985, que agora possui US$ 360 bilhões em renda sob seu comando.

VEJA TAMBÉM: 6 bilionários do Facebook

A renda do CEO mais que dobrou nos últimos 5 anos. No começo do mês, ele entrou para o ranking Forbes 400 como o 45º homem mais rico dos Estados Unidos.

Na divulgação de quinta-feira da semana passada, a Blackstone também revelou que irá desembolsar um dividendo no valor de 41 centavos de dólar por ação em meados de novembro. Para Schwarzman, que possui 230 milhões em ações da empresa, isto significa que ele ganhará cerca de US$ 95 milhões até o dia 14 do próximo mês.

Comentários
Topo