Negócios

Hospital da Bahia negocia venda a conglomerado chinês por R$ 1 bi

Hospital da Bahia

Hospital da Bahia teve faturamento de R$ 195 milhões em 2015 (Reprodução)

O conglomerado chinês Fosun está em negociações avançadas para adquirir o controle do Hospital da Bahia, em Salvador. A venda estaria sendo pautada por cerca de R$ 1 bilhão, segundo informações publicadas no jornal “Valor Econômico”.

De acordo com a publicação, o Hospital da Bahia confirmou estar conversando com investidores do mercado. Já o Forsun preferiu não comentar sobre o caso.

VEJA MAIS: 10 dicas de investimento por grandes investidores do Brasil

Desde 2015, depois da aprovação de uma lei federal que permitiu, pela primeira vez, investimentos estrangeiros em hospitais, a saúde brasileira viu um crescimento do interesse de fundos internacionais pelo setor. No mesmo ano, o Samaritano, hospital de São Paulo, foi vendido à Amil, empresa controlada pela norte-americana UnitedHealth, por R$ 1,3 bilhão.

O chinês Fosun é um dos maiores conglomerados de investimentos do mundo. Além da saúde, os investimentos também passam por condomínios e indústria alimentícia.

E AINDA: Banco chinês faz maior IPO do ano

Segundo o jornal, o grupo estaria negociando o controle de 55% do hospital.

Fundado em 2006, o Hospital da Bahia está numa esteira de aumentos em seu faturamento desde 2011. No primeiro ano de crescimento, foram R$ 27 milhões, 80% a mais do que no ano anterior. Em 2015, a instituição faturou R$ 195 milhões, um aumento de 37% em relação a 2014. Para este ano, são esperados R$ 300 milhões.

Comentários
Topo