Negócios

Mark Zuckerberg ganha US$ 1,6 bilhão em uma semana

Mark Zuckerberg

CEO do Facebook Mark Zuckerberg obteve sua maior fortuna até agora, com US$ 56,6 bilhões (iStock)

A crescente popularidade do Facebook Live e a recente estreia do serviço de delivery de comida da rede social fez com que as ações do Facebook subissem 1,5% na última sexta-feira (21), o que ampliou o crescimento total da semana em 3%. A companhia vai anunciar os ganhos desse trimestre no dia 2 de novembro, e suas ações estão maiores do que nunca.

Quem mais vai se beneficiar com esses ganhos é Mark Zuckerberg, cofundador, CEO e o maior acionista individual da empresa. Nesta semana, isoladamente, seu patrimônio líquido aumentou cerca de US$ 1,6 bilhão, o que dá em estimados US$ 56,6 bilhões.

RANKING GLOBAL: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

As ações do Facebook subiram mais do que um quarto desde o dia 1 de janeiro de 2016, apesar da breve queda no Ano Novo. Como resultado, Zuckerberg, que tem grande influência nos votos da companhia, está em quinto lugar na edição deste ano da lista FORBES dos mais ricos do planeta. O bilionário está atrás apenas de Bill Gates, cofundador da Microsoft, de Amancio Ortega, da Inditex, de Jeff Bezos, CEO da Amazon, e de Warren Buffett, da Berkshire Hathaway.

Os analistas estão muito confiantes de que a rede social vai continuar tendo grandes resultados. Com o anúncio dos ganhos do terceiro trimestre, a empresa pretende ter uma receita de US$ 7 bilhões, impulsionados por um enorme crescimento devido à publicidade em vídeo, especialmente nos celulares.

MAIS RANKING: 70 maiores bilionários do Brasil em 2016

Uma das causas desse crescimento foram os dispositivos na plataforma do site, que aumentaram o tempo em que os usuários ficam na rede. Nesta semana, a empresa anunciou seus novo dispositivo de pedidos de comida, compras de tickets de cinema e pedidos de compromisso. As mudanças, que se parecem com os recursos oferecidos por plataformas como o Baidu e o WeChat, podem aumentar ainda mais o tempo gasto dos usuários na rede, em uma média analisada de 50 minutos por dia.

Esse crescimento do Facebook não vai impactar somente a vida de Zuckerberg. Os cofundadores Eduardo Saverin e Dustin Moskovitz também tiveram uma semana muito lucrativa. Os bilionários ganharam US$ 200 milhões e US$ 300 milhões, respectivamente, pela suas ações na empresa. Saverin agora possui uma fortuna estimada em US$ 7,8 bilhões e Moskovitz em US$ 10,6 bilhões.

VEJA MAIS: 20 maiores bilionários de tecnologia

Embora o patrimônio líquido de Zuckerberg vá subir por um bom tempo, é provável que sua fortuna diminua nos próximos anos. No mês passado, ele e sua esposa, Priscilla Chan, investiram US$ 3 bilhões para pesquisas científicas voltadas para a cura de doenças. O CEO já prometeu doar 99% das suas ações do Facebook durante sua vida, e está dando seus primeiros passos para cumprir sua palavra.

Comentários
Topo