Negócios

Samsung oferece Note8 pela metade do preço para clientes que devolverem o 7

Galaxy Note7

Samsung tem estratégia arriscada para recuperar confiança dos consumidores (Getty Images)

A Samsung, depois da tragédia com o Galaxy Note7, busca formas de melhorar sua imagem com os consumidores. De acordo com reportagens desta segunda-feira (24) do jornal “The Korea Herald” e da agência de notícias “Reuters”, os proprietários dos modelos Galaxy S7 e S7 Edge que devolverem o aparelho antigo, na Coreia do Sul, pagarão metade do preço no novo Galaxy Note8, que deve ser lançado no ano que vem.

As duas publicações afirmaram que os consumidores poderão substituir o Note7 por um desconto no Note8, o que significa que a linha Galaxy Note não será extinta.

SAIBA MAIS: Samsung dará crédito de US$ 100 para consumidores trocarem Note 7

Todos os Note7 da Samsung foram recolhidos e tiveram sua distribuição e venda suspensa devido à problemas causados em sua bateria, que, em alguns casos, chegou até a pegar fogo. A fabricação foi descontinuada e a empresa não oferece mais suporte para esse problema. Apesar do pedido da companhia para os consumidores devolverem o aparelho, ainda há centenas de milhares de telefones que ainda não foram devolvidos.

O novo plano da Samsung pode ser interessante, especialmente para quem está com o telefone há pouco tempo. Entretanto, a ideia também é arriscada. Os consumidores ainda não sabem nada sobre esse novo aparelho e sobre suas baterias. O Galaxy S8 tem a previsão de ser lançado em fevereiro ou março de 2017, mas a data ainda não foi confirmada. Ainda não há rumores sobre quando a companhia vai lançar o Note8.

VEJA TAMBÉM: Por que as ações da Samsung continuam a subir mesmo após acidentes

Mesmo que a chegada de novos aparelhos da Samsung seja algo muito provável, ainda é muito cedo para a companhia falar sobre o lançamento do novo modelo.

Comentários
Topo