Negócios

Apple cancela o upgrade anual do iPhone SE

Getty Images

Getty Images

A Apple não fará o upgrade anual de seu maior sucesso comercial de 2016, iPhone SE. A informação veio de Ming-Chi Kuo, analista da KGI, que já deu furos sobre a fabricante norte-americana.

Kuo afirma que companhia optou por não lançar um update do iPhone SE em 2017 por causa do orçamento atual da empresa. Para o analista, os motivos da decisão da empresa são dois: melhorar as vendas do iPhone SE enquanto os modelos anteriores têm queda de preço e reduzir o risco de canibalização que o iPhone SE teria em vendas do iPhone 7, mais caro.

VEJA MAIS: Vendas da Apple caem pela primeira vez em 15 anos

Como a Apple está mais interessada em lucros do que em ações, do ponto de vista financeiro, as razões da empresa fazem sentido. Devido a preocupações com a venda do iPhone 7, não seria bom para a imagem da companhia se as relações públicas da empresa divulgassem relatórios forçando a mesma a admitir que as vendas do iPhone 7 foram prejudicadas porque os clientes preferem a versão de “baixo orçamento”.

Kuo afirma ainda que a decisão de abandonar a nova versão do iPhone SE vai impactar diretamente no número de vendas.

LEIA TAMBÉM: iPhone 7 poderá vir em uma nova cor

O analista prevê que as vendas do iPhone vão cair pelo menos 10% no segundo trimestre de 2017 para 35 milhões de unidades, comparado a 40,4 milhões no segundo trimestre de 2016. Kuo notou que o segundo trimestre deste ano foi salvo devido à grande demanda pelo iPhone SE.

A companhia previamente “pulou” gerações do iPad e muitos anos de upgrade do MacBook Pro por se sentirem satisfeitos com os modelos existentes. Mas seria a primeira vez que isto aconteceria com o iPhone, mesmo que a Apple tenha declarado que os clientes estão mudando para um modelo de três anos de upgrade.

Nos últimos 18 meses, Kuo acertou as todas as previsões relacionadas ao iPhone 7, iPhone 6 e iPhone SE, incluindo seu preço mais baixo.

Comentários
Topo