Negócios

Receita líquida do Mercado Livre cresce 42% no 4º tri

mercado-livre

O Mercado Livre apurou receita líquida de US$ 256,3 milhões no quarto trimestre de 2016, alta de 42% em relação ao mesmo período do ano anterior, variação que subiu a 68% moeda constante.

De acordo com dados divulgados nesta quinta-feira, o volume bruto de transações (GMV) da empresa latino-americana de comércio eletrônico somou US$ 2,2 bilhões, aumento de 11% em dólar e de 48,3% em moeda constante.

Em termos de volume, houve elevação de 40,2%, para 51,6 milhões de itens.

LEIA MAIS: GPA reduz prejuízo líquido para R$29 milhões no 4º tri

No Brasil, maior mercado da companhia, a receita líquida somou U$ 143,6 milhões, alta de 91,6% em dólar e de 65% em reais. De acordo com o Mercado Livre, foi o melhor trimestre da história da companhia no país.

O Mercado Livre disse que sua receita proveniente do marketplace cresceu 41% em dólares e 74% em moeda constante. A receita gerada pelos demais serviços cresceu 44% em dólares e 60% em moeda local.

O uso dos dispositivos móveis apareceu como relevante vetor de crescimento da empresa, com crescimento de 98,7% no volume transacionado (em moeda constante).

O lucro líquido do grupo no período foi de US$ 51,3 milhões de dólares, alta de 31,7% sobre um ano antes.

O lucro bruto subiu 38,4%, a US$ 162,7 milhões, mas margem caiu 2 pontos percentuais, a 63,5%.

VEJA TAMBÉM: OLX movimenta R$ 81,9 bi em compras e vendas de sua plataforma de marketplace em 2016

“A redução se explica pelas taxas de vendas maiores geradas pela adoção crescente de serviços de crédito e financiamento, investimentos em hospedagem e aos custos relacionados à venda de aparelhos de pagamento móvel”, disse a empresa.

(Por Paula Arend Laier)

Comentários
Topo