Negócios

Jeff Bezos é o bilionário que registrou o maior aumento de patrimônio da lista 2017

Valorização das ações da Amazon levou o CEO a ganhar US$ 27 bilhões em um ano

Valorização das ações da Amazon levou o CEO a ganhar US$ 27 bilhões em um ano

Nenhum bilionário teve um ano melhor do que Jeff Bezos. O CEO da Amazon foi o maior ganhador da lista em dinheiro em um ano onde 56% dos bilionários registraram aumento em suas fortunas. O patrimônio de Bezos cresceu US$ 27,6 bilhões no último ano, valor maior do que a renda total de todos os integrantes da lista, menos os 24 primeiros. As ações da Amazon subiram 67% no último ano devido ao sucesso de sua unidade de computação em nuvem, o Amazon Web Services.

Warren Buffett é o segundo maior ganhador depois de Jeff Bezos: sua fortuna cresceu US$ 14,8 bilhões em um ano

Com uma renda total de US$ 72,8 bilhões, Bezos é hoje o terceiro homem mais rico do mundo, atrás somente de Bill Gates e do chairman e CEO da Berkshire Hathaway Warren Buffett. Em 2016, entrou no Top 10 pela primeira vez: ficou com o 5º lugar. Hoje, ele está duas posições acima e quase US$ 30 bilhões mais rico. Uma década atrás, em 2007, seu patrimônio era de US$ 4,4 bilhões.

Warren Buffett é o segundo maior ganhador depois de Bezos. Sua fortuna subiu US$ 14,8 bilhões em relação a 2016 graças ao aumento de 31% nas ações da Berkshire Hathaway. Enquanto Bezos se posicionou acima de Buffet na lista Forbes 400 de 2016, publicada em outubro, Buffet ganhou a frente nos últimos quatro meses. Sua fortuna cresceu mais do que qualquer outra no mercado de ações após a vitória de Donald Trump nas eleições em novembro de 2016.

O bilionário chinês Wang Wei e sua companhia de entregas estilo Fedex, a S. F. Holding , também figuram entre os principais ganhadores do ano. A empresa, que opera a entregadora S. F. Express, abriu seu capital na bolsa de valores de Shenzhen em fevereiro. O patrimônio de Wang cresceu de US$ 11,7 bilhões para US$ 15,9 bilhões segundo cálculo utilizado por Forbes, que considerou os valores das ações do dia 17 de fevereiro de 2017. Desde então, a fortuna de Wang cresceu mais US$ 8 bilhões, somando atualmente US$ 23,9 bilhões.

LEIA MAIS: 20 maiores bilionários do mundo em 2017

O sucesso contínuo do Facebook tornou Mark Zuckerberg o quarto maior ganhador deste ano, depois de ter sido o principal na lista de 2016. Sua fortuna cresceu cerca de US$ 11,4 bilhões nos últimos 12 meses, totalizando US$ 56 bilhões. O aumento deve-se ao ganho de valor das ações do Facebook – 31% no ano. O CEO de 32 anos vem enfrentando críticas em função da participação do Facebook na divulgação das notícias falsas durante as eleições presidenciais de 2016. Zuckerberg, que anunciou este mês que está esperando seu segundo filho, começou uma turnê pelos EUA com o objetivo de conhecer pessoas em todos os estados do país até o final do ano.

VEJA TAMBÉM: Morre David Rockefeller, o bilionário mais velho do mundo

Na sequência dos principais ganhadores em volume de dinheiro está o cofundador da Microsoft, Bill Gates, o homem mais rico do mundo, que adicionou US$ 11 bilhões a sua fortuna no último ano. A fonte original da riqueza de Gates foi a Microsoft, mas agora ele só possui 2,3% da companhia. Seu patrimônio cresceu graças a sua participação em um portfólio variado de empresas, que inclui a fabricante de equipamentos agrícolas Deere e a companhia ferroviária Canadian National Railway, e ao aumento de 27% nas ações da Microsoft no último ano.

Enquanto estes cinco homens faturaram mais do que os outros, o ano foi, em geral, muito bom para os bilionários. 56% deles ficaram mais ricos, contra 28% da lista de 2016. Apenas 17% dos bilionários perderam dinheiro – no ranking do ano passado foram 50%. Os 2.043 bilionários – número recorde – possuem, juntos, patrimônio de US$ 7,67 trilhões, um aumento de US$ 6,48 trilhões na comparação com o ano passado.

Comentários
Topo