Negócios

3 maneiras para garantir que as pessoas leiam seus emails

Muito do trabalho das startups é feito por meio da comunicação intencional e casual com pessoas que você não conhece. Conversas fora do seu círculo pessoal, mas do seu setor, podem ser incrivelmente importantes para começar e construir o negócio. Mas, algumas vezes, pode ser difícil fazer essas conexões – principalmente por email.

VEJA TAMBÉM: Aplicativo dá dinheiro para quem responde a emails

Samantha Harrignton, fundadora da Driven Media, plataforma de mulheres que produz conteúdo para mulheres, aponta que só lê o título de metade de todos os emails que recebe diariamente. A executiva concorda que essa é uma atitude frustrante, uma vez que, frequentemente, nomes aleatórios acabam sendo ignorados. E esses contatos poderiam resultar em uma valiosa conversa.

Recentemente, Samantha recebeu uma mensagem de duas jovens mulheres que trabalhavam em um projeto semelhante ao de sua empresa e queriam uma oportunidade para conversar. Ela conta que quase perdeu esse email. “Ao responder, no entanto, estabelecemos uma ótima conversa sobre negócios relacionados à mídia e estratégias de startups que funcionaram para elas. Foi muito produtivo”, lembra.

LEIA MAIS: 10 poderosos aplicativos para você gerenciar seus e-mails como se fosse o chefe

Na conversa, Samantha Harrigton percebeu o quanto ela aprendeu desde que fundou a empresa, há dois anos, e o quanto é importante para ela dividir o seu conhecimento com jovens empreendedoras.

Ela resolveu, então, analisar a maneira como lê os emails que recebe: o que atrai sua atenção e o que deixou passar. Com base nessa interpretação, extraiu 3 dicas para ajudar na elaboração de mensagens que não passem despercebidas:

  • 1. O título é decisivo

    O email que Samantha Harrington quase perdeu tinha o seguinte título: “Conselhos sobre crowdfunding”. Ela soube, imediatamente, do que se tratava e por que o estava recebendo. A executiva também percebeu que o remetente estava familiarizado com seu trabalho e com o fato de sua empresa ter começado com uma campanha de financiamento coletivo. “Eu me lembrei do desespero que vivi no começo da minha operação, em busca de incentivo, e, por isso, senti que precisava responder”, conta. Ou seja, quando você estiver escrevendo o título do seu email, você precisa explicitar duas coisas em poucas palavras: descreva o conteúdo da mensagem e faça uma referência a uma pergunta específica.

  • 2. Tenha uma pergunta específica

    Esse conselho se aplica também ao próprio email. A mulher que estava procurando conselhos sobre crowdfunding finalizou sua mensagem com a frase: “Nos avise se estiver disponível para conversar”. Com essa deixa, Samantha soube que ela queria discutir o assunto, em vez de apenas mandar emails. “Quando percebi que elas queriam conselhos específicos da minha equipe, eu respondi”, afirma a jornalista. “Coincidentemente, o meu próprio time lutou muito para conseguir respostas para uma pergunta específica sobre crowdfunding.”

  • 3. Seja acessível e mostre que você fez sua pesquisa

    A dona da startup afirma que, normalmente, não responde a emails que não sejam personalizados. É fácil reconhecer uma linguagem copiada de outro lugar ou criada por uma empresa de relações públicas. Por outro lado, se você descrever o seu trabalho e compará-lo ao das pessoas para quem está enviando a mensagem, elas terão contato com um aspecto mais pessoal e genuíno do negócio. Isso também mostra o que você está buscando e como a pessoa pode te ajudar.

    No final, todos sabemos que é preciso enviar milhares de mensagens até se conseguir algum retorno. Mas estas técnicas podem ajudar o seu email a se destacar na superlotação de uma caixa de entrada.

1. O título é decisivo

O email que Samantha Harrington quase perdeu tinha o seguinte título: “Conselhos sobre crowdfunding”. Ela soube, imediatamente, do que se tratava e por que o estava recebendo. A executiva também percebeu que o remetente estava familiarizado com seu trabalho e com o fato de sua empresa ter começado com uma campanha de financiamento coletivo. “Eu me lembrei do desespero que vivi no começo da minha operação, em busca de incentivo, e, por isso, senti que precisava responder”, conta. Ou seja, quando você estiver escrevendo o título do seu email, você precisa explicitar duas coisas em poucas palavras: descreva o conteúdo da mensagem e faça uma referência a uma pergunta específica.

Comentários
Topo