Negócios

CEO do Uber deve se licenciar e vice deixa a companhia, diz fonte

Getty Images

Travis Kalanick deve se licenciar do cargo (Getty Images)

O presidente do Uber Technologies, Travis Kalanick, deve se licenciar do cargo, mas uma decisão final ainda não foi tomada, segundo uma fonte com conhecimento do resultado de uma reunião do conselho de administração realizada no domingo (11/06).

LEIA MAIS: Uber demite 20 funcionários após investigação sobre assédios

Emil Michael, vice-presidente sênior e próximo aliado de Kalanick, deixou a empresa, disse a fonte.

O conselho de Uber reuniu-se no domingo para avaliar recomendações de uma investigação sobre assédio sexual e questões relacionadas lideradas pelo escritório de advocacia do ex-procurador-geral dos EUA, Eric Holder.

(Reportagem de Jonathan Weber)

Comentários
Topo