Negócios

Natura está próxima de comprar The Body Shop por US$ 1,1 bilhão

iStock

Venda da marca britânica de cosméticos The Body Shop para a Natura pode movimentar € 1 bilhão (iStock)

A francesa L’Oreal iniciou negociações exclusivas com a brasileira Natura para venda da marca britânica de cosméticos The Body Shop, informaram as empresas nesta sexta-feira (09/06). A operação pode movimentar € 1 bilhão (US$ 1,1 bilhão).

LEIA MAIS: Natura abre primeira loja nos Estados Unidos

Em comunicado, a L’Oreal informou que recebeu oferta firme da Natura pela Body Shop e que a transação proposta atribui valor de € 1 bilhão ao negócio.

Em fato relevante divulgado nesta sexta-feira, a Natura esclareceu que “já tem aprovado o financiamento dos recursos em montante suficiente” para pagar a totalidade do preço de aquisição à L’Oreal.

“A companhia entende que foi dado um passo importante para a possível aquisição da The Body Shop”, disse a Natura no documento, acrescentando que a conclusão da operação estará condicionado à aprovação por parte de autoridades regulatórias.

No início deste ano, a empresa francesa havia informado que estava revisando sua estratégia para a Body Shop, que comprou por £ 652 milhões em 2006, e que o ativo havia atraído ampla gama de interessados.

Para o gestor de fundos da Keren Finance, Gregory Moore, o preço indicado agradou os investidores da L’Oreal, dado que as notícias iniciais eram de que a The Body Shop poderia ser vendida por cerca de € 800 milhões.

VEJA TAMBÉM: Natura chega ao Top 20 das companhias mais sustentáveis do mundo

“A ação reagiu bem à notícia porque havia algumas pessoas que pensavam que poderia ser vendido por menos”, comentou Moore, cuja empresa detém ações da L’Oreal em seu portfólio.

Os papéis da empresa francesa subiam cerca de 0,60% por volta das 8h40 (horário de Brasília). Já as ações da Natura caíram mais de 7% na Bovespa, após o anúncio das negociações com a francesa L’Oreal.

Fundada em 1976 pela empresária britânica Anita Roddick, a The Body Shop é uma rede de cosméticos altamente focada em produtos inovadores e naturais, mas foi vítima de crescente concorrência de novas marcas oferecendo produtos similares.

“A Natura vai apoiar o desenvolvimento da The Body Shop no longo prazo e permitir que atenda aos clientes da melhor forma, ao mesmo tempo em que respeitará seu forte compromisso com os funcionários, franqueados e acionistas”, disse Jean-Paul Agon, presidente do conselho e presidente executivo da L’Oreal, em comunicado.

Já o presidente executivo da Natura, João Paulo Ferreira, afirmou que a The Body Shop se encaixará bem com os negócios da Natura, como a marca “Aesop”.

(Por Sudip Kar-Gupta, com reportagem adicional de Gabriela Mello)

Comentários
Topo