Negócios

Saiba qual o maior erro que as empresas cometem nas mídias sociais

iStock

Não resgate o investimento rápido demais (iStock)

Os empresários costumam enxergar o marketing nas mídias sociais como qualquer outra iniciativa – eles até estão dispostos a se envolver, mas só se tiverem uma ideia clara do retorno do investimento. E é aí que se comete o maior de todos os erros nas mídias sociais: tentar resgatar o dinheiro rápido demais.

LEIA TAMBÉM: 5 estratégias de Zuckerberg que podem ajudar sua empresa

É claro que todo investimento desperta a expectativa de retorno, principalmente financeiro. Mas a pior maneira de fazer isso é vender alguma coisa de forma explícita antes de atribuir a ela algum valor. As pessoas utilizam as mídias sociais para ler notícias, seguir amigos e começar conversas, então não é surpresa que elas tenham dificuldades em se adaptar a conteúdos promocionais.

Para construir um público próprio, é preciso oferecer um espécie de valor único

Um empreendimento que utiliza a mídia social apenas para exibir o seu próprio produto ou serviço é como uma criança que não para de pular na piscina e espirrar água, mesmo depois de ser orientada a parar. Todas as outras crianças balançam a cabeça e compartilham um olhar de cumplicidade, se afastando mais e mais para deixar um raio amplo o suficiente para que ela fique sozinha.

Você não quer pular sozinho. Talvez realmente molhe algumas pessoas, mas também irá irritar muitas outras. Então, como é possível engajar efetivamente as pessoas nas redes sociais e iniciar conversas reais? Como construir uma audiência interessada que realmente comprará um serviço ou produto no longo prazo?

VEJA MAIS: 5 truques inteligentes para construir sua marca pessoal no LinkedIn

Muitos especialistas dizem que o segredo é chamar a atenção para além do que você tem a oferecer, compartilhando conteúdo de outras pessoas. Alguns exemplos:

The Golden Ratio (30/60/10) (A Taxa de Ouro): Sugere que 30% do conteúdo compartilhado seja próprio, 60% seja coletado de outro lugar e 10% seja promocional, com chamadas para ações;

The Rule of Thirds (A Regra de 3): Sugere que as atualizações nas mídias sociais sejam proporcionalmente divididas entre os conteúdos próprios, os feitos por terceiros e as interações pessoais que constroem a marca;

The 4-1-1 Method (O Método 4-1-1): Recomenda quatro partes de conteúdo de outras fontes e um retuíte para cada conteúdo próprio.

VEJA TAMBÉM: Como tirar o melhor das mídias sociais

Isso certamente parece ser um progresso. Se o objetivo é utilizar as mídias sociais para oferecer valor ao seu público-alvo e provocar conversas, então compartilhar o melhor conteúdo, produzido por especialistas, seria o caminho adequado a seguir. (Pelo menos as outras crianças brincariam com você na piscina, em vez de te deixarem sozinho).
Mas não esqueça do objetivo principal ao usar as redes sociais: o retorno do investimento. Você quer que as pessoas voltem para o seu website o máximo possível, para que elas sejam enviadas ao funil de vendas. Mas como fazer isso se você as está mandando para outros sites e negócios? Em outras palavras, por que não criar e compartilhar apenas o seu próprio conteúdo e fazer do seu negócio o mais especializado?

Para construir um público próprio, é preciso oferecer um espécie de valor único. Tem que existir um motivo convincente para os outros te seguirem, se envolverem, gostarem de seu conteúdo e se conectarem ao seu website. Como o empreendedor Gary Vaynerchuk diz, você precisa dar sem criar expectativas.

LEIA MAIS: Como as mídias sociais impactam seu local de trabalho

Obviamente isso não é algo que acontece com um artigo ou um vídeo. É um estado de espírito, um abordagem holística que engloba a maneira como você trabalha sendo o proprietário de um negócio.

Se você pode criar um banco de conteúdo realmente relevante e extenso o suficiente para seu público-alvo, você terá muito combustível para comandar uma atividade consistente por meio das redes sociais. Você dará ao seu público vários motivos para interagir com você, compartilhar seu conteúdo, se conectar com seu website e mandar outras pessoas para o seu funil de compra.

Ao oferecer valores consistentes o suficiente, é possível transformar os seguidores em embaixadores do seu negócio.

Comentários
Topo