Negócios

AGCO fecha acordo definitivo para comprar unidade da Monsanto

Reuters

AGCO anunciou a compra da Precision Planting, unidade de componentes de agricultura de precisão da Monsanto (Reuters)

A AGCO anunciou nesta quarta-feira (26) um acordo definitivo para comprar a Precision Planting, unidade de componentes de agricultura de precisão da Monsanto, por uma quantia não divulgada.

VEJA TAMBÉM: Os 25 Melhores CEOs do Brasil

O anúncio ocorreu depois que a Monsanto, maior companhia de sementes do mundo, encerrou em maio seu acordo para vender a Precision Planting para a fabricante de máquinas Deere & Co, em meio a pressões de entidades reguladoras.

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos havia apresentado uma ação judicial para impedir a venda, argumentando que o acordo tornaria mais caro para os produtores usarem tecnologia de plantio rápido e preciso.

“A aquisição da Precision Planting vai estabelecer a AGCO como uma das líderes globais em tecnologia de plantio”, disse o presidente da AGCO, Martin Richenhagen, em nota.

No Brasil, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) já aprovou sem restrições a transação, segundo publicação do órgão no Diário Oficial da União na terça-feira (25).

LEIA MAIS: Cade define fusão entre Bayer e Monsanto como “complexa”

“A Monsanto decidiu sair do negócio de componentes de agricultura de precisão para plantadeiras, visando se concentrar em fornecer soluções de tecnologia agrícola para agricultores e agrônomos. Já para a AGCO, a operação representa uma oportunidade de expansão de seu portfólio”, explicou o CADE em seu parecer sobre a aquisição.

Comentários
Topo