Negócios

Amazon considera vender ingressos de eventos nos EUA, dizem fontes

iStock

Se a iniciativa se concretizar, a maior varejista online do mundo fará ao atual domínio da Ticketmaster (iStock)

A Amazon.com está tentando se associar com proprietários de casas de espetáculos dos Estados Unidos para vender ingressos de eventos, disseram quatro fontes à Reuters, um movimento que poderia afrouxar o domínio da Ticketmaster no lucrativo segmento.

VEJA MAIS: 4 países onde a Amazon mais impacta os hábitos de compra dos consumidores

Se a Amazon avançar nesse plano, isso representaria a mais recente tentativa da maior varejista online do mundo de usar sua sólida base de clientes, experiência tecnológica e poder de negociação para impactar um grande mercado.

A empresa norte-americana vê o setor de ingressos do país como pronto para o ataque. Os consumidores não gostam de taxas de ingressos e os proprietários de casas de shows, ligas esportivas e equipes querem mais distribuidores para seus ingressos, à medida que buscam aumentar as vendas.

Atualmente, a Ticketmaster, da Live Nation Entertainment, é a revendedora exclusiva de ingressos para muitos dos melhores locais nos Estados Unidos.

LEIA TAMBÉM: Por que Jeff Bezos pode ameaçar bancos tradicionais em breve

O acesso a ingressos poderia ser outro meio de atrair membros para o clube de compras Amazon Prime. Para participantes do universo musical e de equipes esportivas, vender ingressos pela Amazon poderia ajudar a impulsionar suas mercadorias.

A varejista online teve sucesso com a venda de ingressos no Reino Unido, onde vende assentos para os shows do West End desde 2015, superando a Ticketmaster em alguns eventos, segundo uma das fontes, que possuí casas de espetáculos no país.

A Live Nation não falou sobre o assunto e a Amazon não respondeu aos pedidos por comentário.

Comentários
Topo