Negócios

Possível mudança de Neymar para o PSG vai impulsionar transferências caras

GettyImages

A mudança, se concretizada, vai bater o recorde atual mundial de valor de transferência: US$ 120 milhões no ano passado, quando Paul Pogba foi comprado pelo Manchester United. (GettyImages)

O Paris Saint-Germain está pronto para engatilhar a cláusula de liberação do contrato de Neymar com o Barcelona a um custo de mais de US$ 250 milhões. Caso isso aconteça, o que pode ser confirmado ao longo desta semana, será a transferência mais audaciosa e cara da história do futebol.

VEJA TAMBÉM: 10 atletas mais bem pagos com menos de 25 anos

Um número considerável de fontes afirma que os termos pessoais da transferência já teriam sido negociados entre o jogador e o clube francês, e que tudo o falta, neste momento, são a assinatura do contrato de cinco anos e o exame médico de Neymar.

A mudança, se concretizada, vai bater o recorde atual mundial de valor de transferência: US$ 120 milhões no ano passado, quando Paul Pogba foi comprado pelo Manchester United do Juventus.

Atualmente, Neymar está na China fazendo aparições promocionais. Então, o atleta vai, provavelmente, para o Catar e, em seguida, a Paris para uma esclarecer os rumores. No entanto, a transferência parece tão certeira que seus efeitos já estão sendo amplamente debatidos.

Com os US$ 250 milhões da multa em caixa e US$ 15 milhões mensais disponíveis com a partida de Neymar (referente ao salário), espera-se que o Barcelona comece a se movimentar para contratar novos jogadores. E, ainda que não haja um substituto óbvio para o atleta brasileiro, há outras lacunas que o time espanhol poderia preencher. Antes da saída de Neymar, no entanto, o clube já dava sinais de mudança – ironicamente, pode ter sido que a busca do time espanhol pelo meio de campo do PSG Marco Verratti tenha impulsionado a ofensiva do clube francês por uma das joias do Barcelona.

LEIA: 25 atletas mais bem pagos de 2017

Ao que tudo indica, os olhos da equipe espanhola estão agora voltados para outro brasileiro – Philippe Coutinho, do Liverpool. Rumores de uma mudança do meio de campo de 25 anos para o Barcelona surgiram há alguns meses. A única boa notícia para o Liverpool é que a taxa de transferência provavelmente será altíssima.

Valores de transferência que giram ao redor de US$ 100 milhões estão sendo dados como certos se levarmos em consideração o mercado atual para grandes talentos. Há pouco mais de quatro anos, o Liverpool pagou ao Inter de Milão US$ 11 milhões pelo então jovem talento.

Caso o Barcelona falhe na negociação para assinar com Coutinho, Mesut Ozil, do Arsenal, pode ser visto como uma opção mais barata. Ozil tem mais um ano sobrando em seu contrato, apesar de seu clube atual insistir que ele permanecerá no Estádio Emirates para a temporada de 2017/18 independentemente do que aconteça.

E MAIS: 20 atletas mais bem pagos da história

Se a opção do time espanhol for por um talento emergente que tem marcado muitos gols, Ousmane Dembélé pode ser a escolha mais óbvia. Há um ano, o Borussia Dortmund assinou com o jogador de 20 anos de Rennes, na França. Um retorno de seis gols em 32 aparições reforçam a noção de que Dembélé tem algum caminho a percorrer e a tendência é que siga melhorando.

Paulo Dybala foi do Palermo para o Juventus há dois anos por US$ 45 milhões. Suas perfeitas finalizações resultaram em 30 gols em 65 jogos para o time de Torino.

Então, é óbvio que o Barcelona pode ser tentado a se antecipar e minar o movimento do Real Madrid para assinar com o adolescente do Monaco Kylian Mbappé. Antes de o PSG sair em busca de Neymar, uma possível mudança de Mbappé para o Real Madrid era a transferência mais comentada.

Comentários
Topo