Negócios

Transferências de jogadores de futebol têm valorização astronômica nos últimos 30 anos

Getty Images

Mudança de Neymar para o PSG, caso concretizada, representará um aumento de € 117 milhões em relação ao recorde anterior (Getty Images)

Caso o acordo entre Neymar e Paris Saint Germain aconteça de fato, o que no momento parece altamente provável, o clube francês vai bater o recorde de pagamento de transferência ao desembolsar inacreditáveis € 222 milhões para que o brasileiro deixe o Barcelona.

LEIA TAMBÉM: Possível mudança de Neymar para o PSG vai impulsionar transferências caras

O recorde de transferência anterior, estabelecido na temporada passada quando o Manchester United comprou o meio de campo Paul Pogba da Juventus, já era uma quantia astronômica: € 105 milhões.

A justificativa para números assim passa pelas cláusulas de rescisão de contrato. É razoavelmente comum entre jogadores, não apenas da elite, ter condições em seus acordos que obrigue o clube a vendê-los caso a situação se apresente – e a de Neymar é de € 222 milhões.

VEJA MAIS: 20 times de futebol mais valiosos do mundo
Apesar de essa ser uma enorme quantia de dinheiro, sem dúvidas não é a mais alta cláusula do tipo. A da estrela do Real Madrid e de Portugal Cristiano Ronaldo é de € 1 bilhão.

Veja no infográfico a seguir a valorização das transferências de jogadores de futebol nos últimos 30 anos:

Forbes Brasil

Comentários
Topo