Negócios

Leilão de petróleo e gás arrecada R$ 3,84 bi

Reuters

Consórcio formado por Petrobras e a Exxon terá 50% de participação para cada empresa (Reuters)

A 14ª Rodada de Licitação de blocos de petróleo e gás terminou com bônus total recorde de R$ 3,842 bilhões, com 95% desse montante sendo arrecadado em lances por blocos na Bacia de Campos feitos pela Petrobras e a norte-americana Exxon Mobil.

LEIA MAIS: Brasil vende concessão de usinas por R$ 12,13 bi

Somente os oito blocos arrematados na Bacia de Campos, a última a ser leiloada, resultou em um bônus de mais de R$ 3,65 bilhões.

Os lances bilionários de um consórcio formado por Petrobras e a Exxon, com 50% de participação para cada empresa e tendo a estatal brasileira como operadora, contrastaram com os arremates até então ocorridos na 14ª Rodada.

Depois das negociações, o diretor-geral da autarquia, Décio Oddone, disse que as ofertas na Bacia de Campos “surpreenderam positivamente”.

O número final superou as expectativas do governo, que esperava arrecadar ao menos R$ 1 bilhão.

Comentários
Topo