Vendas de tablets no Brasil devem cair 6% este ano

iStock
A IDC Brasil calculou em 8% a queda nas vendas de tablets no segundo trimestre (iStock)

As vendas do mercado brasileiro de tablets no Brasil devem recuar 6% este ano, para 3,75 milhões de aparelhos, estimou a empresa de pesquisa de mercado de tecnologia IDC Brasil nesta segunda-feira (18).

LEIA MAIS: Vendas de computadores têm alta de 5% no 2º tri, diz IDC Brasil

A companhia calculou em 8% a queda nas vendas da categoria no segundo trimestre sobre o mesmo período do ano passado, para 790 mil unidades, equivalentes a uma receita de R$ 400 milhões.

“Temos observado um comportamento agressivo dos fabricantes, com preços promocionais e brindes para frear a queda”, afirmou em nota o analista de mercado da IDC Brasil, Wellington La Falce.

“Notamos que as empresas estão diversificando os produtos para gerar mais demanda…O mercado de tablets para o público infantil é bastante forte, mas produtos voltados para o idoso, por exemplo, estão entrando agora no radar”, acrescentou.

No início do mês, a IDC afirmou que as vendas de computadores pessoais no Brasil devem crescer 1,2% este ano, para 4,55 milhões de unidades. No segundo trimestre, o segmento teve alta de 5% sobre um ano antes, para 1,24 milhão de unidades.

VEJA TAMBÉM: Venda de celulares no Brasil cresce 5,9% no 2º tri, aponta IDC

Já os celulares devem ter um impulso de 12,6% nas vendas este ano, para 49 milhões de aparelhos, segundo a IDC. No segundo trimestre, as vendas subiram 5,9% na comparação anual, para 12,8 milhões de unidades.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).