Negócios

VW investe bilhões em carros elétricos na busca por mercado de massa

Divulgação

O ID da VW competirá com o carro menos caro da Tesla para consumidores do mercado de massa, o novo sedã Model 3 (Divulgação)

A Volkswagen está intensificando sua migração para carros elétricos e planeja investir mais de € 20 bilhões em veículos que não emitem poluentes até 2030 para desafiar a pioneira Tesla no desenvolvimento de um mercado de massa.

LEIA MAIS: Volkswagen não tem pressa de vender ativos, investimento é mais importante, diz executivo

A maior montadora do mundo em vendas disse nesta segunda-feira (11) que aumentou seu objetivo para lançar 80 novos modelos elétricos por meio de seu grupo multimarcas até 2015, em comparação com a meta anterior de 30 novos carros. A Volkswagen também quer oferecer uma versão elétrica para cada um de seus 300 modelos do grupo até 2030.

A empresa alemã disse, anteriormente, que investiria mais de € 10 bilhões até 2025 em uma migração para veículos elétricos.

Antes do escândalo de emissão de poluentes revelado há dois anos, a VW retardou o desenvolvimento em carros elétricos e tecnologia autônoma. Mas o “dieselgate” provocou uma mudança estratégica, à medida que os eventos aumentaram a pressão sobre as montadoras para acelerar o desenvolvimento de modelos que não emitam poluentes. “Uma empresa como a Volkswagen precisa liderar, não seguir”, disse o presidente-executivo, Matthias Mueller, a jornalistas.

VEJA TAMBÉM: Volkswagen fecha acordo de US$ 1 bi para reparar ou recomprar automóveis diesel nos EUA

O chamado modelo ID da VW competirá com o carro menos caro da Tesla para consumidores do mercado de massa, o novo sedã Model 3 com preço-base em US$ 35 mil.

As crescentes restrições e custos para veículos movidos a diesel e a gasolina estão estimulando o aumento de carros elétricos, embora os analistas digam que grandes investimentos em pontos de recarga e redes de energia serão necessários para atender um mercado de massa.

Comentários
Topo