Negócios

Walmart testa nos EUA entrega de alimentos direto na geladeira dos clientes

iStock

Operação, se concretizada, vai aumentar a rivalidade com a gigante Amazon (iStock)

O Walmart Stores está testando um serviço para entrega de comida diretamente de suas lojas aos refrigeradores dos clientes nos Estados Unidos, ampliando a rivalidade com a gigante de comércio eletrônico Amazon.com.

LEIA MAIS: Walmart vai investir R$ 1 bi em reforma de lojas no Brasil

A entrega de mantimentos e kits de comida está emergindo como a próxima fronteira da concorrência entre varejistas nos EUA.

A maior rede de varejo do mundo anunciou nesta sexta-feira (22) que está trabalhando em parceria com a August Home, fornecedora de fechaduras inteligentes e acessórios para casa, para testar o serviço com certos clientes no Vale do Silício.

Como parte do teste, entregadores do Walmart ganham acesso às casas dos clientes por meio de uma senha válida uma única vez. Uma vez dentro da residência dos clientes, eles colocam os produtos dentro da geladeira e deixam outras encomendas na casa.

VEJA TAMBÉM: Empreendedores e figuras conhecidas impulsionam mercado de orgânicos no Brasil

Os consumidores recebem notificações quando a entrega dos produtos está ocorrendo e podem assistir ao processo em tempo real por meio de câmeras de vigilância operadas por um aplicativo da August Home.

Os negócios de mercearia da Amazon devem ser impulsionados pela aquisição no mês passado da rede de supermercados Whole Foods. Além disso, a varejista online também está se consolidando mais profundamente no negócio de restaurantes.

Nesta sexta-feira, a Amazon Restaurants se uniu à empresa de pedidos online Olo em uma parceria que ajudará os clientes da última a se conectarem com os serviços de entrega da Amazon.

A competição no negócio de kits de comida também está esquentando. O operador de supermercados Albertsons Cos disse que comprará o serviço de entrega de comida embalada, enquanto a rival Ralphs, da Kroger, começou a vender produtos da categoria em suas lojas nesta semana.

Comentários
Topo