Negócios

Como Elon Musk inspirou dois irmãos a mudarem a indústria dos relógios

iStock

Matas e Danielius Jakutis buscam preços acessíveis, sem abrir mão da qualidade (Reprodução/Forbes)

Matas Jakutis e Danielius Jakutis são os irmãos por trás da marca Filippo Loreti, de luxuosos, porém acessíveis, relógios. Com a ajuda de uma tecnologia moderna e do poder da internet, os dois estão redefinindo o segmento.

VEJA MAIS: 5 relógios que valem o mesmo que propriedades nos EUA

Os irmãos começaram a empresa em 2014, depois de tentarem encontrar relógios com preços acessíveis e de ponta para eles mesmos e ficarem chocados ao perceberem que mesmo os mais básicos custavam mais de US$ 1.000. “Nosso objetivo é oferecer relógios acessíveis de alta qualidade para pessoas que estão cansadas das grandes marcas e vários intermediários inflacionando os preços,” explica Matas.

Mas como dois jovens irmãos, com 20 e poucos anos, sem experiência prévia na área, estão reinventando a indústria de relógios? Eles levaram ao pé da letra os ensinamentos de Elon Musk, o bilionário que comanda a Tesla Motors.

“Trabalhe muito. Dedique de 80 a 100 horas por semana ao trabalho. Isso melhora as probabilidades de sucesso. Se outras pessoas estão dedicando 40 horas e você 100 horas, então mesmo que ambos estejam fazendo a mesma coisa, você alcançará em quatro meses o que os outros demorariam um ano para conseguir”, afirma Elon Musk.

LEIA TAMBÉM: Patrimônio de Elon Musk atinge US$ 20 bilhões pela primeira vez

Muito trabalho

Quando você ouve “em seus 20 e poucos anos”, ética de trabalho não é necessariamente a primeira coisa que vem à mente, mas não seja enganado pela jovialidade dos irmãos Jakutis – eles estão focados em seus negócios e trabalham muito para transformar a Filippo Loreti em uma marca reconhecida e respeitada ao redor do mundo.

Matas e Danielius levaram o conselho de Musk em consideração e é esta a abordagem que eles levam para a Filippo Loreti. “Nós somos jovens, então podemos dedicar muito tempo para pesquisa, desenvolvimento e controle de qualidade dos nossos produtos, e almejamos colocar todo o resto de nossas vidas (socialização, relacionamentos etc.) em compasso de espera por enquanto”, explica Matas.

Baixo preço, alta qualidade

Os principais fatores que diferenciam a Filippo Loreti de outras marcas de relógio é o design, a qualidade e a média de preço.

Reprodução/Forbes

Os irmãos começaram a empresa em 2014 (Reprodução/Forbes)

“Os relógios vendidos em joalherias são, normalmente, dez vezes mais caros dos que realmente custam. Um relógio que custe US$ 100 para ser feito, por exemplo, custará mais de US$ 1000.”

Essa ideia se espalhou entre os muitos aficionados por relógios ao redor do mundo. Os irmãos levantaram € 926.960 durante uma campanha na Kickstarter, plataforma de financiamento, para desenvolver a primeira coleção, criando o projeto de relógio mais financiado na história do crowdfunding … até eles quebrarem o próprio recorde.

“Quando nós percebemos isso, vimos uma oportunidade e, por controlarmos inteiramente nossa cadeia de suprimentos, usando materiais práticos para alcançar estilos luxuosos e vendendo diretamente para nossos consumidores, conseguimos produzir peças que custam menos de US$ 250, mas tem a qualidade de um que você, normalmente, teria de pagar mais de US$ 1.000,” afirma Matas.

A Filippo Loreti levantou o surpreendente valor de € 4.809.548 no Kickstarter para a segunda coleção, que está, agora, em estágio final de produção.

E MAIS: Conheça dois millennials que largaram a faculdade para criar a marca de relógios que mais cresce no mundo

O consumidor sempre vem em primeiro lugar

Matas afirma que a comunicação direta com os consumidores – escutá-los e dar a eles o que desejam – é a chave do sucesso.

“É por isso que lançamos cada nova coleção por meio da Kickstarter. Dessa maneira, conseguimos um feedback inestimável dos nossos clientes, o que nos ajuda a criar produtos que eles amem.”

Essa comunicação direta com as pessoas que compram os relógios da marca também fornece à Filippo Loreti um entendimento sólido a respeito das necessidades não preenchidas dos compradores de relógio, o que permite que os irmãos Jakutis tomem decisões corretas nos negócios. Um exemplo é o grande número de informações que circulam atualmente sobre os smartwatches. Mas, quando Matas e Danielius perguntaram a seus consumidores sobre isso, eles não demonstraram interesse no modelo.

“Nossos consumidores dizem que nada vai substituir um relógio de luxo, feito à mão por um mestre, que vai servi-los por décadas. Nós concordamos com essa visão. No final, um relógio de qualidade é a peça central da joia que um cavalheiro deve usar.”

LEIA TAMBÉM: Bilionário Elon Musk quer levar pessoas a Marte até 2025

Por que a maioria das novas marcas de relógios falha?

Matas acredita que o segredo do sucesso na indústria do relógio é pensar a longo prazo. “A maioria das novas marcas de relógios erra porque está disposta a comprometer a qualidade de relacionamentos com seus clientes em prol de lucros a curto prazo. Na Filippo Loreti temos uma abordagem diferente. Nós realmente acreditamos em nossos produtos. Sabemos que ninguém oferece relógios com alta qualidade, de edição limitada, pelo preço que fazemos. Nossa oferta é a melhor do mercado, atualmente, e pretendemos continuar nesse caminho. Nosso foco é construir relações com nossos consumidores, em vez de tentar conseguir a maior quantia possível aqui e agora.”

O que está por vir para a Filippo Loreti?

“Nossa equipe está focada na produção da nova coleção. Nós fizemos parcerias com alguns dos melhores fabricantes de relógios e fornecedores de componentes do mundo, que produzem relógios de luxo para marcas suíças há décadas e que realmente levaram a qualidade do nosso produto para um outro nível. Temos muitos clientes esperando por relógios e isso é muito animador… Vamos entregar um produto para nossos primeiros apoiadores e sabemos que eles vão amar.”

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).

Comentários
Topo