Negócios

Qual o real poder dos sites de avaliação sobre as marcas

iStock

Com o crescimento de sites de avaliação, o que o mundo tem a dizer sobre uma marca nunca importou tanto. (iStock)

Todos têm, em sua rotina, hábitos de consumo como sair para comer, adquirir roupas novas, assinar serviços e cuidar da beleza. Em meio a tanta oferta, sobretudo entre os millennials, é cada vez mais comum recorrer a avaliações online antes de tomar decisões de compra.

VEJA TAMBÉM: Conheça 10 tendências para o marketing digital em 2017

Segundo a empresa de pesquisa de mídia Search Engine Lend, atualmente, nos EUA, 88% dos consumidores confiam em avaliações de produtos tanto quanto em conselhos de amigos e familiares, o que coloca sinopses anônimas online à mesma altura do confiável marketing “boca a boca”.

Em um estilo de vida dominado pela internet, os millennials valorizam muito uma decisão de compra bem pensada. Certamente, algumas escolhas são feitas sem atenção, mas a geração mais jovem aprecia um mundo onde o conhecimento reina. E, quando novas fontes tradicionais falham em acompanhar essa tendência, avaliações online são o melhor recurso para ter ajuda para fechar bons negócios.

Os números falam por si só: segundo a empresa especializada em SEO BrightLocal, nos EUA, 92% dos usuários da internet leem avaliações e 40% tomam decisões baseadas em algo entre uma e três opiniões. Os consumidores gastam 31% a mais em produtos com avaliações excelentes, e apenas 14% consideram investir em algo com uma média de uma ou duas estrelas.

LEIA: 6 tendências de SEO que vão influenciar o marketing de conteúdo

Apesar da importância de avaliações online, atrair feedbacks honestos organicamente é um pouco mais difícil do que parece. A Search Engine Land também reporta que 70% dos consumidores estão dispostos a deixar uma avaliação se alguém solicitar, e apenas cerca de 50% de fato o fazem. E, infelizmente, consumidores que tiveram uma má experiência têm de duas a três vezes mais chance de deixar um feedback do que alguém que recebeu um ótimo serviço. Empresas com reputações fortes, no entanto, frequentemente sabem como fazer o sistema funcionar, ao usar boas ferramentas de marketing para estimular os usuários a compartilharem interações positivas.

As marcas podem incentivar que os usuários deixem avaliações ao interagir em seções de comentários, redes sociais e blogs. É possível oferecer ao usuário um sistema de feedback em seu carrinho de compras ou utilizar um bom software de pós venda. Uma das coisas mais importantes para fazer como marca é se engajar positivamente com a audiência e nunca postar algo que seria considerado combativo, apelativo, de mau gosto ou qualquer coisa que poderia ofender ou desapontar um cliente em potencial. Às vezes, é preciso dar o braço a torcer no que diz respeito a avaliações e combater qualquer negatividade com empatia.

O bom conteúdo é a chave. Com o crescimento de sites de avaliação, o que o mundo tem a dizer sobre uma marca nunca importou tanto. No fim das contas, cabe a quem vende se assegurar de que o que os outros dizem mande a mensagem certa.

Comentários
Topo