Trump anuncia que decidiu não certificar cumprimento de acordo nuclear pelo Irã

Getty Images
Decisão do presidente norte-americano não significa de que os EUA estejam abandonando o acordo (Getty Images)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, impôs um golpe ao acordo nuclear de 2015 com o Irã nesta sexta-feira (13), em desafio a outras potências mundiais, ao escolher não certificar o cumprimento do pacto por parte de Teerã.

RANKING: 11 atentados terroristas mais impactantes da história

“Com base no histórico de fatos, estou anunciando que não podemos e não iremos fazer essa certificação”, disse Trump em pronunciamento na Casa Branca, ao apresentar uma estratégia mais dura dos EUA com relação a Teerã. A decisão de Trump, no entanto, não significa que os EUA estão abandonando o acordo.

Rússia é a favor da manutenção do Acordo

O Kremlin afirmou também nesta sexta-feira (13) que as consequências serão “extremamente negativas” se os Estados Unidos deixarem o acordo com o Irã sobre o programa nuclear, e que Teerã provavelmente também abandonaria o pacto. “Certamente isso irá prejudicar a atmosfera de previsibilidade, segurança, estabilidade e não proliferação no mundo inteiro”, disse Dmitry Peskov, porta-voz do presidente russo, Vladimir Putin, a repórteres. O porta-voz do Kremlin acrescentou que a Rússia continuará com sua política de garantir a não proliferação de armas nucleares.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).