Negócios

Broadcom faz oferta de compra à fabricante de chips Qualcomm por US$ 103 bi

iStock

Broadcom disse que fez uma oferta para comprar a Qualcomm por US$ 70 por ação (iStock)

A fabricante de chips de comunicações Broadcom disse, nesta segunda-feira (6), que fez uma oferta para comprar a fornecedora de chips de celulares Qualcomm por US$ 70 por ação, ou US$ 103 bilhões em dinheiro e ações, no que seria a maior aquisição de tecnologia de todos os tempos.

LEIA MAIS: Apple pode deixar de usar componentes da Qualcomm nos iPhones e iPads

Um acordo combinaria duas das maiores fabricantes de chips de comunicações de telefonia móvel e elevaria as apostas para a Intel, que vem diversificando seu forte portfólio de computadores para a tecnologia em celulares.

A oferta da Broadcom embute prêmio de 27,6% em relação ao preço de fechamento da Qualcomm na quinta-feira passada (2), de US$ 54,84, um dia antes de notícias sobre um potencial acordo de compra das ações da empresa.

Comentários
Topo