Brookfield apresenta proposta vinculante para compra da Renova Energia

iStock
A oferta envolve R$ 6 por unit da Renova e um aporte primário na companhia de R$ 1,4 bilhão (iStock)

A canadense Brookfield apresentou uma proposta vinculante para aquisição da Renova Energia, empresa de geração controlada por Cemig e Light, informaram as companhias ao mercado neste sábado (11).

LEIA MAIS: Brookfield avalia elevar oferta pela Renova Energia

A oferta envolve R$ 6 por unit da Renova e um aporte primário na companhia de R$ 1,4 bilhão, além da chance de um adicional futuro de R$ 1 por unit, caso a geradora renovável tenha qualquer ajuste de preço de venda do complexo eólico Alto Sertão II, comprado recentemente pela AES Tietê.

A unit da Renova fechou a sexta-feira (10) valendo R$ 7,63.

A Renova disse que, se a proposta for aceita, será concedido à Brookfield um período de 60 dias de exclusividade, prorrogável por mais 30 dias, para finalização dos documentos da transação.

A Brookfield apresentou uma proposta não vinculante pela Renova em julho, e desde então as empresas vinham negociando.

A possível venda da Renova faz parte de um amplo programa de desinvestimentos da Cemig, que pode envolver 8 bilhões de reais em ativos e visa reduzir a enorme dívida da companhia mineira.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).