Negócios

Cristiano Ronaldo fecha sociedade com maior rede portuguesa de hotéis

Getty Images

Cristiano Ronaldo e a rede Pestana planejam abrir dois hotéis com a marca Pestana CR7 até o final de 2018 (Getty Images)

O craque português Cristiano Ronaldo entrou em sociedade com a Pestana, a maior rede de hotéis de seu país, em uma joint venture para abrir novos mercados na Ásia e reforçar sua expansão na Espanha e nos Estados Unidos.

LEIA MAIS: Cristiano Ronaldo sobe no ranking do Instagram

O jogador está seguindo os passos de outros astros do esporte que têm investido em hotéis, como os tenistas Andy Murray e Andre Agassi e os jogadores de futebol Gary Neville e Ryan Giggs – mas o empreendimento de Cristiano Ronaldo se destaca por sua ambição global.

Ele e a rede Pestana planejam abrir dois hotéis com a marca Pestana CR7 até o final de 2018, já tendo testado o mercado em sua Portugal natal com dois hotéis.

Os primeiros hotéis Pestana CR7 foram inaugurados sem alarde na Ilha da Madeira e em Lisboa e deram resultados positivos, disse o presidente-executivo da Pestana, José Theotónio. “A marca conjunta está abrindo possibilidades para nós, da rede Pestana, em lugares onde dificilmente teríamos chegado sozinhos”, disse ele à Reuters no requintado Pestana Palace Hotel de Lisboa – lar temporário da pop star Madonna, que se mudou para Portugal em setembro. “Temos contatos para entrar em outros mercados onde a marca CR7 é forte, na Ásia, no Oriente Médio”, acrescentou Theotónio, citando interesses na China continental, Macau, Dubai e Catar.

Os hotéis CR7 têm carpetes com marcas de pegadas de Ronaldo, troféus e mesas de pebolim, além do som de torcidas comemorando nos corredores

Os dois parceiros são da ilha portuguesa da Madeira e estão investindo um total de € 75 milhões na empreitada, incluindo os dois hotéis já em atividade.

Os próximos dois serão abertos em Madri e na praça Times Square, em Nova York, no final de 2018, disse Theotónio. Os hotéis CR7 têm carpetes com marcas de pegadas de Ronaldo, troféus e mesas de pebolim, além do som de torcidas comemorando nos corredores.

Separadamente, a Pestana inaugurará vários de seus próprios estabelecimentos na Europa e nos Estados Unidos.

A futura expansão da rede de hotéis CR7 dependerá do sucesso das unidades de Madri e Nova York, mas os estudos de mercado da Pestana mostram que, “ao contrário do que se poderia pensar”, a marca Ronaldo CR7 é bem conhecida nos EUA.

A Pestana, rede familiar com mais de 90 hotéis de alto nível, espera que a parceria com Ronaldo a ajude a competir por uma fatia maior do mercado de redes de hotel de luxo internacionais, como a espanhola Melia, a francesa AccorHotels e a gigante norte-americana Marriott International.

Comentários
Topo