Softbank fecha acordo por ações do Uber

O Uber disse que o acordo será fechado ano que vem (iStock)

O consórcio liderado pelo Softbank completou a compra de uma grande participação acionária no Uber, em acordo que avalia a empresa em US$ 48 bilhões, disse a companhia de transportes urbanos nesta quinta-feira (28).

LEIA TAMBÉM: Uber vai vender seu negócio de aluguel de automóveis nos EUA para Fair.com

O preço representa um desconto de 30% ante a avaliação mais recente do Uber, de US$ 68 bilhões. O acordo cria várias mudanças na forma do conselho supervisionar a empresa, que lida com investigações criminais, processos e uma reestruturação de sua cultura no ambiente de trabalho.

O Softbank e o restante do consórcio, que inclui o Dragoneer Investment Group, deterá aproximadamente 17,5% do Uber, disse uma pessoa familiarizada com o assunto. A participação inclui também uma compra secundária de ações de investidores iniciais e funcionários, assim como US$ 1,25 bilhão em injeção de capital.

O investimento será feito considerando o valor de mercado anterior, mais alto, disse a fonte. O Uber disse que o acordo será fechado ano que vem.

O Softbank exigiu parcela mínima de 14% na empresa para seguir com o acordo. Ele manterá uma fatia de 15%, enquanto o restante do consórcio deterá aproximadamente 3%, de acordo com outra fonte familiarizada com o assunto.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).