Citi tem lucro trimestral acima do esperado

iStock
Citi teve alta de 4% no lucro líquido em relação ao mesmo período do ano passado (iStock)

O Citigroup divulgou hoje (16) lucro trimestral acima das expectativas de Wall Street, impulsionado por crescimento na divisão global de banco de varejo, com sólidos ganhos na Ásia e América Latina compensando uma receita menor com corretagem.

LEIA MAIS: Deutsche Bank sai da lista dos 15 maiores bancos privados do mundo

O resultado veio com um encargo tributário não recorrente de US$ 22 bilhões gerado por mudanças na legislação norte-americana, que gerou um prejuízo de US$ 18,3 bilhões no quarto trimestre.

Em termos ajustados para excluir o encargo, o Citi teve alta de 4% no lucro líquido do período, para US$ 3,7 bilhões. O lucro por ação ajustado foi de US$ 1,28, acima da estimativa média de analistas de US$ 1,19 por papel, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita total subiu 1,4%, para US$ 17,26 bilhões e ficou ligeiramente acima da prevista, a US$ 17,22 bilhões, mesmo com a queda na corretagem.

A receita com mercados de renda fixa caiu 18%, enquanto a receita com mercados de ações recuou 23% por causa de perdas com derivativos de cerca de US$ 130 milhões relacionadas a um único cliente.

VEJA TAMBÉM: Cade aprova compra do varejo do Citi no Brasil por Itaú Unibanco

A receita da área global de varejo do banco, que incluiu banco de varejo e cartões de crédito, subiu 5,6% e foi responsável por quase metade de toda a receita do grupo, que vendeu sua área de banco de varejo no Brasil para o Itaú Unibanco no ano passado.

Na quarta-feira (17), Bank of America, segundo maior banco dos Estados Unidos, e o Goldman Sachs devem divulgar seus resultados do quarto trimestre.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).