Buffett, Zuckerberg e Bezos perdem bilhões com queda recorde da Dow Jones

Montagem
Juntos, os seis bilionários que mais sofreram com a derrota do mercado viram suas fortunas diminuírem impressionantes US$ 18,8 bilhões em um único dia. (Montagem)

Algumas das pessoas mais ricas do mundo, como Warren Buffett, Mark Zuckerberg e Jeff Bezos, perderam bilhões ontem (5), depois que a Dow Jones fechou o dia em queda brusca.

VEJA TAMBÉM: “Mercado das criptomoedas não vai acabar bem”, aposta Buffett

O índice criado em 1896 caiu 1.175 pontos, o equivalente a 4,6%, apagando todos os ganhos do ano. A S&P e a Nasdaq também caíram cerca de 4% cada uma ontem.

Warren Buffett foi o mais atingido: a queda diminuiu seu patrimônio em US$ 5,3 bilhões – quase 6% em apenas um dia. Ele continua sendo a terceira pessoa mais rica mundo, com fortuna de US$ 84,6 bilhões, segundo o ranking de bilionários FORBES em tempo real.

O cofundador do Facebook Mark Zuckerberg foi o segundo maior perdedor, com prejuízo de US$ 3,6 bilhões, ou 4,7% de seu patrimônio, com a queda de 5% das ações de sua empresa de mídia social. Ele terminou o dia com US$ 73,1 bilhões.

Jeff Bezos, a pessoa mais rica do planeta, viu sua fortuna cair US$ 3,2 bilhões. Isso anula os US$ 3,2 bilhões que ele ganhou em apenas um dia da semana passada, depois que a Amazon anunciou ganhos incríveis do trimestre. Ele ainda possui US$ 115,7 bilhões, o que o coloca US$ 25 bilhões à frente da segunda pessoa mais rica do planeta, o cofundador da Microsoft Bill Gates.

LEIA: 21 perguntas que as pessoas gostariam de fazer a Mark Zuckerberg

Os cofundadores do Google, Larry Page e Sergey Brin, perderam US$ 2,2 bilhões cada um, já que as ações da Alphabet caíram 5%. A fortuna do fundador da Oracle Larry Ellison também diminuiu US$ 2,2 bilhões.

Juntos, os seis bilionários que mais sofreram com a derrota do mercado viram suas fortunas diminuírem impressionantes US$ 18,8 bilhões em um único dia. Muitas das pessoas mais ricas do mundo têm nas ações grande parte de seu patrimônio, já que suas empresas são listadas em bolsa e vulneráveis a flutuações no mercado.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).