BRF desaba cerca de 11% depois da nova fase da operação Carne Fraca

iStock
As ações da empresa despencavam cerca de 11% na manhã de hoje (5) (iStock)

As ações da BRF despencavam cerca de 11% na manhã de hoje (5), diante de nova fase da operação Carne Fraca, da Polícia Federal, envolvendo a empresa.

LEIA MAIS: BRF precisa recuperar credibilidade, diz Abilio Diniz

Mais cedo, a PF informou que cumpria 11 mandados de prisão e 27 de condução coercitiva como parte terceira fase da operação Carne Fraca, tendo como alvo a BRF. O ex-presidente-executivo global da empresa Pedro de Andrade Faria foi preso, segundo o site do jornal “O Estado de S. Paulo”.

As ações das demais empresas do setor de proteínas também eram pressionadas no começo dos negócios. JBS caía 3,4% e Marfrig perdia 1,58%, enquanto o Ibovespa cedia cerca de 0,5%. Fora do índice, Minerva caía 2,68%.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).