Crescimento do PIB do Japão é revisado para cima

iStock
A economia do Japão cresceu a uma taxa atualizada de 1,6% entre outubro e dezembro (iStock)

A economia do Japão expandiu mais do que o estimado inicialmente no quarto trimestre devido a uma revisão para cima nos gastos de capital e nos dados de estoque, confirmando o oitavo trimestre seguido de crescimento.

LEIA MAIS: Walmart lança em parceria com Rakuten serviço de entregas online no Japão

A economia do Japão cresceu a uma taxa atualizada de 1,6% entre outubro e dezembro, contra expectativa de economistas de 0,9% e uma leitura preliminar de 0,5%.

O resultado marcou a mais longa expansão ininterrupta desde os 12 trimestres de crescimento registrados entre abril e junho de 1986 e janeiro e março de 1989, durante a bolha econômica japonesa.

A taxa de crescimento anualizada se traduz em expansão de 0,4% na comparação trimestral em termos reais e ajustados para preços, contra leitura inicial de 0,1% e expectativa de 0,2%.

A revisão para cima deveu-se a ganhos mais rápidos do que o esperado em gastos de capital, um impulso para as autoridades que buscam estimular um ciclo de crescimento virtuoso em que salários mais altos estimulam os gastos dos consumidores, que por sua vez vão aumentar o investimento empresarial e acelerar a inflação.

VEJA TAMBÉM: UNDER 30 de FORBES Brasil terá indicações online

“Dados fracos recentes como produção industrial e vendas no varejo para janeiro sugerem que o crescimento do PIB pode desacelerar no primeiro trimestre”, disse Masaki Kuwahara, economista sênior do Nomura Securities. “Ainda assim, o crescimento do Japão vai manter-se firme, liderado pelas exportações e gastos de capital, com ajuda da economia sólida dos EUA”.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).