Exportação de soja do Brasil dispara no início de março, aponta Secex

iStock
Os embarques nas primeiras duas semanas de março somaram 3,4 milhões de toneladas de soja (iStock)

A exportação de soja do Brasil somou 489,5 mil toneladas por dia nos sete primeiros dias úteis deste mês, mais que o triplo do registrado na média diária de fevereiro e um aumento de 25% na comparação com março do ano passado, evidenciando que a colheita de uma safra recorde começa a chegar com mais força aos portos.

LEIA MAIS: ADM e Cargill anunciam joint venture em soja no Egito

Os embarques nas primeiras duas semanas de março somaram 3,4 milhões de toneladas, ante um total de 2,86 milhões de toneladas em fevereiro e 8,98 milhões de toneladas em março de 2017, de acordo com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do governo brasileiro.

Até o momento, produtores do Brasil realizaram a colheita em cerca de metade da área total de soja do maior exportador global da oleaginosa, segundo especialistas.

Os maiores embarques foram registrados após a comercialização dar um salto no último mês, com os preços em alta devido a perdas pela seca na Argentina.

A comercialização de soja da safra 2017/18 de Mato Grosso, maior produtor nacional, avançou para 61,62% das 31,79 milhões de toneladas projetadas, informou nesta segunda-feira o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

VEJA TAMBÉM: UNDER 30 de FORBES Brasil terá indicações online

As exportações de farelo de soja do Brasil em março já somam 605 mil toneladas, ou mais da metade do total exportado em todo o mesmo mês do ano passado, segundo dados da Secex.

Algumas consultorias mais otimistas estão estimando a safra brasileira em mais de 117 milhões de toneladas, ante cerca de 114 milhões na temporada passada.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).