Unidade de streaming de vídeo da Baidu pode movimentar até US$ 2,4 bi em IPO

Reprodução
A iQiyi, que será listada na Nasdaq, disse que espera usar cerca de metade dos recursos para ampliar e melhorar sua oferta de conteúdo (Reprodução)

A fornecedora chinesa de serviço de streaming de vídeo iQiyi, unidade da gigante de buscas na internet Baidu, lançou uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), avaliada em até US$ 2,4 bilhões, à medida que busca ampliar sua oferta de conteúdo.

LEIA MAIS: Resultado do Baidu supera projeções

O IPO deve dar à empresa musculatura financeira extra conforme tenta se destacar entre os rivais no mercado chinês, incluindo o serviço do Alibaba Youku Tudou.

A companhia planeja oferecer 125 milhões de American Depositary Shares (ADS) com faixa de preço entre US$ 17 e US$ 19 cada, segundo registro junto ao órgão regulador do mercado de capitais norte-americano, a Securities and Exchange Commission (SEC).

A oferta inclui a opção de venda adicional de 18,75 milhões de ações, o que, se exercido totalmente, pode elevar o valor do acordo a cerca de US$ 2,7 bilhões.

A iQiyi, que será listada na Nasdaq, disse que espera usar cerca de metade dos recursos para ampliar e melhorar sua oferta de conteúdo, enquanto 10% seriam direcionados para fortalecer a tecnologia. O restante será destinado para objetivos corporativos gerais.

VEJA TAMBÉM: UNDER 30 de FORBES Brasil terá indicações online

A Baidu tem 69,6% da plataforma com serviço semelhante ao do Netflix e vai continuar como acionista controlador depois da conclusão da oferta, disse a iQiyi.

Ao final de fevereiro, a iQiyi tinha 60,1 milhões de assinantes, sendo que mais de 98% deles eram membros pagantes.

Em 2017, a receita da unidade saltou para 17,38 bilhões de iuanes (US$ 2,7 bilhões), um ganho de 55% cento sobre o ano anterior. A empresa teve prejuízo líquido de 3,74 bilhões de iuanes.

Bilibili, outra empresa chinesa de streaming, também determinou faixa de preço para sua oferta em Nova York, buscando levantar até US$ 525 milhões – entre US$ 10,5 e US$ 12,5 cada. O acordo inclui uma opção de venda adicional de 6,3 milhões de ações.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).