Onde estarão os empregos em cloud computing em 2019

Em 2018, o salário médio para profissionais especializados em computação na nuvem ficou em US$ 146.350. Há 50.248 posições na área disponíveis nos Estados Unidos atualmente, 3.701 empregadores e 101.913 oportunidades no mundo todo.

VEJA TAMBÉM: 30 melhores empresas de computação em nuvem de 2018

Oracle, Deloitte e Amazon oferecem, hoje, a maior parte das vagas nessa área – Java, Linux, Amazon Web Services (AWS), desenvolvimento de software, DevOps, Docker e infraestrutura como serviço (IaaS) são as habilidades mais requisitadas.

Virgínia, Califórnia, Nova York, e Illinoi são os estados onde os trabalhos de computação na nuvem se concentram hoje e continuarão em 2019.

A demanda por especialistas no setor continua a crescer exponencialmente e vai acelerar no próximo ano. Para entender melhor a direção atual e futura das tendências de contratação para empregos abertos de computação na nuvem, foi utilizado o Gartner TalentNeuron, um portal de inteligência de talentos online com informações sobre o mercado de trabalho em tempo real, com análise de funções personalizadas, painéis e apresentações prontas para executivos. A plataforma também apóia uma série de iniciativas estratégicas que abrange talentos, localização e inteligência competitiva.

O Gartner TalentNeuron mantém um banco de dados de mais de um bilhão de vagas de empregos exclusivas e coleta informações sobre tendência de contratação de mais de 150 países em seis continentes – são 143 GB de dados brutos recebidos diariamente.

Principais constatações

O salário médio anual em 2018 para profissionais de computação na nuvem é de US$ 146.350. A remuneração no setor disparou nos últimos dois anos – o valor de 2016 era US$ 124.300, um aumento de US$ 22.050.

E AINDA: 10 melhores empresas do mundo para trabalhar em 2018

Para as 50.248 posições em aberto no mercado norte-americano a média salarial é de US$ 142.800. Negócios markert followers oferecem remuneração em torno de US$ 199.950, enquanto nas líderes do setor os valores giram ao redor de US$ 170.300.

A classificação das contratações para trabalhos que exigem habilidades de computação na nuvem fica entre difícil e muito difícil. Quanto maior a dificuldade do escopo do trabalho, mais complexo é para os empregadores encontrarem os candidatos certos para cargos – as posições de trabalho costumam ficar abertas por volta de 46 dias.

Washington (DC), Arlington e Alexandria, na Virgínia, lideram o Top 20 das principais áreas metropolitanas com maior número de oportunidades abertas para profissionais de computação na nuvem atualmente.

Além da Oracle, Deloitte e Amazon, já citadas, IBM, VMWare, Capital One, Microsoft, KPMG, Salesforce, PricewaterhouseCoopers, U.S. Bank, Booz Allen Hamilton, Raytheon Corporation, SAP, Capgemini, Google, Leidos e Nutanix têm hoje mais de 100 posições disponíveis nos EUA.

Veja, na galeria de imagens a seguir, a distribuição de talentos, oportunidades de trabalho e grau de dificuldade de contratação em oito áreas metropolitanas estatísticas (MSA), ou estados e cidades, que são grandes mercados da área de computação na nuvem:

  • 1. Nova York-Newark-Jersey City MSA, NY

    Oferta de candidatos: 42.750
    Procura de emprego: 2.779
    Oferta relativa: Baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Difícil
    Salário médio anual: US$ 151.600

  • 2. Washington-Arlington-Alexandria MSA, DC

    Oferta de candidatos: 29.915
    Procura de emprego: 3.472
    Oferta relativa: Muito baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Muito difícil
    Salário médio anual: US$ 151.950

  • 3. Los Angeles-Long Beach-Anaheim MSA, Califórnia

    Oferta de candidatos: 25.674
    Procura de emprego: 1.703
    Oferta relativa: Baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Difícil
    Salário médio anual: US$ 136.750

  • 4. São Francisco-Oakland-Hayward MSA, Califórnia

    Oferta de candidatos: 25.220
    Procura de emprego: 2.977
    Oferta relativa: Muito baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Muito difícil
    Salário médio anual: US$ 160.700

  • 5. San Jose-Sunnyvale-Santa Clara MSA, Califórnia

    Oferta de candidatos: 23.133
    Procura de emprego: 2.452
    Oferta relativa: Muito baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Difícil
    Salário médio anual: US$ 173.300

  • 6. Chicago-Naperville-Elgin MSA, Ilinois

    Oferta de candidatos: 21.658
    Procura de emprego: 2.034
    Oferta relativa: Muito baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Muito difícil
    Salário médio anual: US$ 141.400

  • 7. Boston-Cambridge-Newton MSA, Massachusetts

    Oferta de candidatos: 19.444
    Procura de emprego: 1.828
    Oferta relativa: Muito baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Difícil
    Salário médio anual: US$ 152.100

  • 8. Seattle-Tacoma-Bellevue MSA, Washington

    Oferta de candidatos: 19.219
    Procura de emprego: 2.080
    Oferta relativa: Muito baixa
    >Nível de dificuldade de contratação: Difícil
    Salário médio anual: US$ 141.750

1. Nova York-Newark-Jersey City MSA, NY

Oferta de candidatos: 42.750
Procura de emprego: 2.779
Oferta relativa: Baixa
>Nível de dificuldade de contratação: Difícil
Salário médio anual: US$ 151.600

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).