5 passos para transformar radicalmente sua vida e carreira

Andrew Toth / Getty Images
Mel Robbins no lançamento de seu livro “Kick Ass with Mel Robbins” (“Arrase com Mel Robbins,” em tradução livre)

Resumo:

  • A autora de best-sellers Mel Robbins perdeu US$ 800 mil antes de alcançar o sucesso;
  • Ela explica como foi da falência ao título de palestrante mais disputada por três anos seguidos.

Para Mel Robbins, o estalo para sua mudança de vida veio de uma forma inesperada: um vídeo de um foguete.

LEIA MAIS: 3 dicas essenciais para criar uma startup de sucesso na indústria de luxo

Antes de Mel ser uma escritora de reconhecimento mundial, autora de best-sellers, uma das mais bem pagas e disputadas palestrantes do mundo e apresentadora do talk-show diurno, “The Mel Robbins Show” (que estreia na TV norte-americana em 16 de setembro), ela se viu no fundo do poço. Aos 41 anos de idade, ela estava desempregada e tinha falido de um empreendimento comercial. O fracasso resultou em uma perda de US$ 800.000, disse ela ao site “Impact Theory”.

Frustrada pela vergonha, Mel se lembrou de uma manhã em que ela estava deitada na cama pensando sobre os ônus de sua casa, a falência, a briga que ela teve com seu parceiro e o desemprego, e apertou o botão soneca. “Quem iria querer levantar quando sua vida é assim?” ela adicionou. Mas também foi esse o momento da virada para ela. Certa manhã, depois de assistir a um lançamento da Nasa no noticiário, ela se inspirou: resolveu sair da cama cinco segundos depois de acordar.

O que Mel estava realmente fazendo era explorar a psicologia do que ela invocaria “a regra dos 5 segundos”, significando que temos apenas alguns segundos para executar uma ideia uma vez que a temos e antes que nossas mentes interfiram e sabotem nossos esforços para permanecer na nossa zona de conforto. Ela começou a aplicá-lo a todas as partes de sua vida e, com o tempo, mudou radicalmente tudo.

Veja, a seguir, cinco dicas para alcançar seu sucesso:

Faça sem pensar duas vezes

Mel aconselha a diferenciar o desejo e a capacidade de fazer alguma coisa.

VEJA TAMBÉM: 10 dicas para ter uma carreira feliz e bem-sucedida

Mesmo se você estiver com medo, exausto, derrotado ou inseguro, deve agir além de seus sentimentos. “Se você está se sentindo inseguro sobre ter essa conversa, faça de qualquer maneira. Se você não sente vontade de fazer essas ligações, faça. Se você está cansado demais, ressaca demais, autoconsciente demais para fazer aquele exercício classe, faça”, incentiva a escritora. “Se você quer demitir o cliente que desperdiça o seu tempo e o trata como lixo e você sente o ‘mas, mas, mas’ invadir sua cabeça, faça-o de qualquer maneira e o demita. Isso redefinirá sua mente de lentidão, medo e cansado para motivado, capacitado e energizado”.

Ache sentido na bagunça

Mel disse que ruminar não muda o passado nem o torna uma pessoa melhor no futuro.

“Meu passado está repleto de comportamentos péssimos,” ela disse. “Eu era muito competitiva e insegura. Machuquei pessoas que amava e baguncei minha vida inteira. Traí, menti, fui mesquinha e egoísta. E me arrependo.”

Ela também contou que punir a si mesmo nos coloca em uma espiral de vergonha, na qual você vai ficar preso com dores irreparáveis. “Só porque você fez coisas ruins não significa que você é uma pessoa ruim. Aprenda com seus erros porque se você sabe fazer melhor, você faz. Fazer coisas melhores e se tornar uma pessoa melhor é o melhor pedido de desculpas que uma pessoa pode fazer.

Seja sempre um fã

Um dos maiores conselhos de negócios de Mel é apoiar os outros, porque o sucesso do próximo não impossibilita o seu.

“Quando você torce pelas pessoas, aciona a Lei da Reciprocidade a reciprocidade. Se for gentil comigo, serei gentil com você. Positividade é recíproca,” ela explicou. “Começando hoje, se você ver alguém fazendo um bom trabalho, diga a essa pessoa. Se puder fazer isso nas redes sociais, é melhor ainda. E marque os envolvidos para que eles possam ver e ouvir sua torcida. Você se surpreenderá com quão rapidamente isso impactará sua vida e seus negócios, e como você se sentirá melhor.”

VEJA TAMBÉM: 10 dicas de empreendedorismo de Anitta

Pare de reclamar

Apesar de ser difícil imaginar agora, Mel admite que foi colocada de lado pela negatividade que carregava. Quando implementou a “regra dos 5 segundos”, ela foi capaz de redirecionar esses pensamentos e disse que demorou cinco dias para mudar sua linha de pensamento.

“Se você reclama, se você vê a vida meio vazia, se é pessimista, seu ‘mindset’ se quebra. Você nunca terá sucesso e felicidade se estiver viciado em ver o que está errado. Você pode escolher no que pensar,” ela disse. “Escolher parar de reclamar e começar a procurar maneiras de mudar é o jeito mais rápido de modificar sua vida. Você não precisa começar a ver unicórnios e arco-íris, só faça o que eu faço. Sou uma otimista-realista, o que significa que eu não reclamo e escolho acreditar no resultado positivo de qualquer situação se eu me esforçar. Você pode fazer isso também.”

Ache um grupo de cinco pessoas

Você precisa de um sistema de apoio, e Mel diz que ele precisa vir das cinco pessoas mais importantes na sua vida que estão indo na mesma direção que você.

“O que eu aprendi do meu próprio grupo de cinco pessoas me transformou de uma zé-ninguém com uma palestra no TedX na palestrante feminina com mais aulas no mundo por três anos seguidos. Antes eu cobrava US$ 10 mil por palestra, agora cobro US$ 75 mil,” ela disse. “Não canso de repetir sobre a importância que esse grupo teve no meu negócio de palestras.”

VEJA TAMBÉM: 5 hábitos que ajudam a maximizar seu dia de trabalho

Seja para autores, influenciadores ou empreendedores, o ponto é compartilhar sabedoria. “Você provavelmente se surpreenderia com o fato de que as pessoas para quem você pede ajuda também se sentem isolados e também estão interessados em conexões e crescimento, assim como você”, ela concluiu.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook

Twitter

Instagram

YouTube

Baixe o app de Forbes Brasil na Play Store e na App Store

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).