Dia Internacional da Mulher: 9 boas notícias

GettyImages
Na primeira vez que a data foi lembrada nos Estados Unidos as mulheres estavam preocupadas com as condições de trabalho e o direito de voto.

Durante a semana do Dia Internacional da Mulher, os problemas das mulheres recebem atenção extra. Na primeira vez que a data foi lembrada nos Estados Unidos, em 1909, as mulheres estavam preocupadas com as condições de trabalho e o direito de voto.

VEJA TAMBÉM: 3 maneiras de apoiar as mulheres no local de trabalho

Veja, na galeria de fotos a seguir, 9 boas notícias para serem lembradas no Dia Internacional da Mulher de 2019:

  • 1. A Marvel Comics finalmente tem uma super-heroína relevante
    Faz 14 anos desde que a Marvel Comics teve uma super-heroína protagonista de seu próprio filme (que aparentemente não foi tão bem). Tudo deliberadamente pensado para coincidir com o Dia Internacional da Mulher, “Capitã Marvel” estreia hoje (8), estrelado pela atriz Brie Larson.

  • 2. Pela primeira vez, uma equipe só de mulheres fará uma caminhada no espaço
    As astronautas da NASA Anne McClain e Christina Koch realizarão a caminhada espacial no final deste mês. Outra mulher, Kristen Facciol, estará no controle do Johnson Space Center na NASA, em Houston, para dar suporte à missão.

  • 3. Seis países já dão às mulheres e homens direitos iguais no trabalho

    O Banco Mundial levantou que Bélgica, Dinamarca, França, Letônia, Luxemburgo e Suécia já possuem classificação equitária para a igualdade de gênero quanto às leis relacionadas ao trabalho. A boa notícia é que isso representa uma grande melhoria em mais de uma década, quando nenhum país recebeu uma pontuação máxima em direitos legais iguais. No entanto, claro, ainda temos um longo caminho a percorrer.

  • 4. Mães trabalhadoras da Amazon exigem creche para seus filhos

    Um grupo de mães trabalhadoras da Amazon, autointituladas Momazonians, reivindica que a Amazon forneça assistência infantil. Dar às trabalhadoras acesso a cuidados de emergência quando a criança está doente ou quando a escola está fechada será um grande benefício para as mães que trabalham na gigante do e-commerce, especialmente, porque elas ainda assumem a maioria das responsabilidades de cuidados infantis. Se a Amazon concordar, isso estabelecerá um grande modelo para outras varejistas seguirem.

  • 5. As mulheres levaram um recorde de 15 Oscars este ano

    Em 2018, apenas seis mulheres ganharam o Oscar, incluindo as duas premiações, melhor atriz e melhor atriz coadjuvante, destinadas a elas.

  • 6. A nota de 20 dólares com a imagem de Harriet Tubman resiste

    Durante o governo Obama, o Departamento do Tesouro tomou a decisão de substituir a foto de Andrew Jackson na nota de 20 dólares por Harriet Tubman. Sob a administração Trump, o destino da cédula com Harriet é menos certo. O Departamento do Tesouro ainda não disse se planeja lançar uma nova nota de 20 dólares com a foto da espiã e abolicionista. Por que é importante: ter todos os rostos masculinos na moeda reforça os estereótipos de que os homens são melhores líderes.

  • 7. Dois estudos mostram um caminho para aumentar a equidade e diminuir os estereótipos de gênero

    Um primeiro estudo descobriu que quando as pessoas veem mais mulheres em cargos mais altos de liderança, tornam-se menos preocupadas com a igualdade de gênero em outros lugares. Isso é um problema, porque mais representatividade feminina na liderança não se traduz necessariamente em equidade nos níveis mais baixos.

    Um segundo estudo forneceu evidências de que as mulheres não confiam em sua capacidade de competir em setores nos quais os homens são estereotipados e se vendem como tendo um desempenho mais forte. Assim, elas têm menos confiança em áreas como ciência, matemática e tecnologia.

  • 8. Problemas de gênero no capital de risco passaram a ser questionados

    Apenas 9% dos sócios em empresas de capital de risco são mulheres. E com os homens controlando as cordas das startups na Bolsa, quem recebe os dólares? Um estudo mostra que 93% do dinheiro do empreendimento de risco foi para iniciativas de equipes exclusivamente masculinas no ano passado.

  • 9. Tod(x)s vestem roxo

    Apenas no caso de você não ter ouvido: se você apoia o Dia Internacional da Mulher, deve vestir roxo na data de hoje. Nas eleições norte-americanas de 2016, era branco; no Emmy, era preto; e, em 2019, no Dia Internacional da Mulher, a cor é roxo. Uma cor não muda sozinha o cenário de desigualdade, mas tem o poder de unir todos por uma mesma causa.

1. A Marvel Comics finalmente tem uma super-heroína relevante
Faz 14 anos desde que a Marvel Comics teve uma super-heroína protagonista de seu próprio filme (que aparentemente não foi tão bem). Tudo deliberadamente pensado para coincidir com o Dia Internacional da Mulher, “Capitã Marvel” estreia hoje (8), estrelado pela atriz Brie Larson.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).