Vá para a Disney Exilândia

Getty Images

Sua vida está chata? Ninguém te dá atenção e você já esgotou todos os seus truques de afetação – inclusive fingir vários tipos de engajamento ideológico? Não se desespere. Seus problemas acabaram! Chegou a Disney Exilândia.

É o mais moderno pacote contra o tédio e funciona de forma muito simples. Primeiro, você precisa chamar todos à sua volta de fascistas – mas não se encabule: não alivie ninguém. O cachorro latiu na hora da novela? Fascista! Tinha pedra no arroz? Fascista! Te mandaram nudes de gente feia? Fascista de iPhone!

Em segundo lugar, você deve anunciar aos quatro ventos que não aguenta mais viver sob uma ditadura. Mas que ditadura é essa que te permite esculhambá-la aos quatro ventos? Cala a boca, fascista! Não estraga minha resistência!

(neste sentido, um alerta: proteste como quiser contra a censura, menos tirando a roupa. Tem dois problemas aí: um é que ninguém vai te vestir nem te reprimir, e você vai ficar sem gancho para encerrar o seu protesto; o outro é que, nesse verão escaldante, podem achar que você tirou a roupa por causa do calor e te jogarem um balde de água fria. Bem, caso o pior aconteça você já sabe o que fazer: fascista!)

Agora preste bem atenção para o caminho da felicidade: pare imediatamente de catar lixo demagógico na internet, de fuçar uma bravata racista anônima ou uma piada homofóbica de 20 anos atrás. Chega de se fantasiar de herói do Facebook, chega dessa vida dura. Você só precisa dizer que não aguenta mais a opressão e quer se mandar do país.

Não duvide, o pacote funciona! Mas você tem que ter cumprido bem as primeiras etapas, para que algum cafetão ideológico do além-mar ache que vale a pena investir no seu exílio cenográfico. Se todos fizerem direitinho o seu papel, todo mundo sai ganhando.

Olha que final feliz: você, que não tinha mais nada para fazer aqui, que já tinha cansado a beleza da plateia distraída que um dia te deu ouvidos, que não aguentava mais fustigar a boçalidade alheia para tentar colher algum tipo de insulto que te transformasse em vítima do sistema – enfim, você que não aguentava mais o seu próprio teatro mambembe, de repente,
renasce em outra freguesia como sobrevivente do fascismo imaginário.

Não é um show? Então, mexa-se! Adquira logo o seu pacote para a Disney Exilândia! Mas, cuidado: se te oferecerem como destino lugares exóticos como Caracas ou Manágua é fraude. Só em destinos como Paris, Lisboa, Berlim ou Nova York você se encontrará com a verdadeira hipocrisia.

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião de Forbes Brasil e de seus editores.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).