Novo iPhone XR2 Design toma forma – e surpreende

Divulgação
Smartphone foi anunciado em vídeo do designer Hasan Kayamak

Resumo:

  • Após vazamentos do iPhone 11, a confirmação do XR2 indica aposta da Apple em modelo mais colorido;
  • Novo smartphone tem uma lente a menos que o modelo anterior e um display LCD, inferior aos outros modelos;
  • Com os preços praticados pela Apple, contudo, o consumidor pode não ver razão suficiente para adquirir o novo iPhone.

A Apple tem enfrentado sérios desafios no mercado, mas pode haver boas novas no horizonte. Não é apenas o iPhone 11 – que, após os vazamentos de desenhos e moldes de chassis, se revelou um aparelho incrivelmente feio – que começa a tomar forma. A empresa também prepara o iPhone XR2, modelo bem mais interessante. O projeto traz de volta o designer gráfico Hasan Kaymak. E as primeiras informações a respeito são promissoras.

LEIA MAIS: Design de novo iPhone da Apple é aposta arriscada

O XR2, o nome ainda está para ser confirmado, Kaymak o chama de 11R, parece ser uma versão colorida do XS, com um hardware superior. Isso representa um salto para as câmeras traseiras duplas, juntamente com a adoção de duas das três novas lentes massivas do iPhone 11.

Sim, o XR2 vai perder uma das lentes do iPhone 11, o zoom óptico ou a grande angular. Por outro lado, com isso vai escapar ao design controverso do seu irmão mais velho. Este com certeza será o iPhone mais bonito de 2019. E, para muitos, a melhor notícia de todos: deve custar muito menos que o 11.

Desvantagens? A Apple dará ao iPhone XR2 um display LCD de resolução menor, em vez de Oled, e, com isso, um painel mais grosso.

É verdade que já existem aparelhos Android mais inovadores, mas, para os fãs do iPhone, esse não é o ponto. Com o iPhone XR2, a Apple está dando aos seguidores motivos para continuar com a marca. As margens altas em todos os modelos devem manter os lucros da empresa fluindo, enquanto se preparam projetos mais radicais e atualizações mais agradáveis.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).