Teatro Municipal estreia temporada 2019 com “O Barbeiro de Sevilha”

Getty Images
O Municipal: se você nunca foi, está mais do que na hora, ok?

Joia do centro de São Paulo, o Teatro Municipal é um daqueles lugares obrigatórios para qualquer pessoa que viva na cidade – se nunca foi, por favor, faça a você mesmo o favor de visitar. Uma bela oportunidade vem agora, em fevereiro, com a estreia da temporada de óperas de 2019. Em cena, “O Barbeiro de Sevilha”, do italiano Gioachino Rossini.

LEIA TAMBÉM: Le Cordon Bleu abre cursos de culinária de curta duração

Sim, é aquela que você viu num episódio do Pica-Pau quando era pequeno. A do “fígarooo, fígarooo” – sim, eu usei uma referência de desenho animado aqui, não me xingue. Mesmo quem tem receio de se sentir deslocado numa ópera devia arriscar, pois embora tenha a atmosfera chique do programa, não faltam momentos divertidos.

  • Saguão do Teatro Municipal

  • Interior do teatro

  • Detalhe do interior do Municipal

  • Detalhe da fachada do Municipal

Saguão do Teatro Municipal

O humor vem das situações vividas na trama pelo Conde de Almaviva. Apaixonado por Rosina, sempre presa em casa por seu tutor, o Dr. Bartolo, ele pede ajuda a Fígaro, que tem os dois como clientes – faz perucas para a moça e cabelo/barba do doutor. No fim deste texto deixo o elenco completo e seus respectivos papéis.

TAMBÉM EM FORBESLIFE: Chef brasileiro ganha estrela Michelin em Paris

A obra de Rossini, encenada pela primeira vez em 1816, foi encenada mais de trinta vezes no Municipal. A mais recente, em 1995. Terá direção musical de Roberto Minczuk, cênica de Cleber Papa e figurinos e cenários assinados por José de Anchieta. As récitas acontecem nos dias 14, 15, 16, 19, 20 e 21 de fevereiro, às 20h, e no dia 17, às 18h. Dividido em dois atos, o espetáculo dura cerca de duas horas e meia. Os ingressos variam de R$ 20 a R$ 120.

Elenco 1 [datas: 14, 16, 19, 21]
Fígaro (barítono) – Michel de Souza
Rosina (mezzo-soprano) – Luisa Francesconi
Conde de Almaviva (tenor) – Jack Swanson
Dr. Bartolo (baixo) – Sávio Sperandio
Don Basilio (baixo) – Carlos Eduardo Marcos
Fiorello (barítono) – Vítor Mascarenhas
Berta (soprano) – Débora Dibi
Sargento (baixo) – Andrey Mira
Ambrogio (ator) – Fabrizio Santos
Notário (ator) – Sergio Seixas

Elenco 2 [datas: 15, 17, 20]
Fígaro (barítono) – David Marcondes
Rosina (mezzo-soprano) – Luciana Bueno
Conde de Almaviva (tenor) – Anibal Mancini
Dr. Bartolo (baixo) – Saulo Javan
Don Basilio (baixo) – Matheus França
Fiorello (barítono) – Vicente Sampaio
Berta (soprano) – Denise Yamaoka
Sargento (baixo) – Andrey Mira
Ambrogio (ator) – Fabrizio Santos
Notário (ator) – Sergio Seixas

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).