Game of Thrones Ice Hotel está de volta – e melhor

Reprodução/Forbes
Cada cômodo abriga elementos, personagens e menções a eventos que fizeram de “Game of Thrones” um sucesso

O inverno chegou faz tempo no hemisfério norte, portanto, é tarde para repetir a icônica frase do personagem de “Game of Thrones”, Ned Stark – “O inverno está chegando”. Mas ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano.

LEIA MAIS: HBO e Diageo lançam uísques de Game of Thrones

A imaginação de escultores de gelo profissionais da Rússia, Polônia, Letônia, Ucrânia, Lituânia e da própria Finlândia criou resultados espetaculares. Desde represeiros – árvores típicas da história – decorados com folhas vermelhas até o enorme fantasma de um lobo com olhos vermelhos, cada cômodo abriga elementos, personagens e menções a eventos que fizeram de “Game of Thrones” um sucesso. São 16 quartos cobertos de neve: com certeza há um feito para você.

E ainda que a temperatura de -5°C do ambiente possa causar arrepio, ela perde a importância diante das esculturas do Rei da Noite de olhos azuis, White Walkers e o gigante WunWun pairando sobre enormes camas de gelo. Não há motivo para preocupação: sacos de dormir forrados de pele e sucos quentes de frutas vermelhas ajudam a debelar o frio. Os proprietários recomendam uma estadia de uma noite nos quartos gelados para uma experiência completa, antes de seguir para uma cabine aquecida.

Também há muito a ser explorado fora do quarto. Ao lado do obrigatório Trono de Ferro, há também o famoso trono de Dragonstone, castelo da personagem Daenerys Targaryen na sétima temporada da série, com uma imensa escultura do dragão Drogon que talvez seja o principal destaque do estabelecimento. Além disso, é possível ver o Grande Septo de Baelor, um restaurante de gelo que serve iguarias locais, como renas e peixes; uma capela de gelo perfeita para forjar novas alianças e um bar igualmente gelado para comemorar – de preferência, longe do estilo do Casamento Vermelho.

A grande novidade de 2019 é o cinema de gelo, que exibe um curto filme com os detalhes do projeto e da construção do hotel, erguido em apenas cinco semanas.

VEJA TAMBÉM: Castelo usado em Game of Thrones está à venda

Como o anterior, o novo Game of Thrones Ice Hotel fica próximo à famosa cidade de Kittilä, a 90 minutos de avião de Helsinque, o local perfeito para aproveitar o inverno e os resorts de esqui de Levi e Ylläs. Segue aberto até 21 de abril. A entrada para a vila é €17.50 (R$ 73,5) para adultos e €10 (R$ 42) para crianças. As suítes custam a partir de €320 (R$ 1.342,5) por noite.

Veja, na galeria de fotos abaixo, detalhes do novo Game of Thrones Ice Hotel:

  • Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

  • Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

  • Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

  • Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

  • Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

  • Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

Ainda dá para aproveitar as temperaturas baixas em Lapônia, na Finlândia, no temporário Game of Thrones Ice Hotel. A cerca de 193 quilômetros do Círculo Ártico, a parceria entre o Lapland Hotels SnowVillage e a HBO Nordic, braço do canal norte-americano que produz e exibe a série de fantasia, construiu um novo estabelecimento temporário com 20 milhões de quilos de neve e 350 mil quilos de gelo natural cristalino em homenagem à saga de George R.R. Martin, que chega ao fim, na TV, este ano

 

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).