Conheça os melhores hotéis para esquiar nos EUA

Reprodução Forbes
O Four Seasons Jackson Hole tem a melhor localização ski-in/ski-out em um dos resorts de esqui e snowboard mais aclamados do mundo

É o meio de uma temporada de esqui que, até agora, tem sido excelente em muitas das principais regiões de prática do esporte, portanto, parece um bom momento para destacar alguns hotéis realmente excelentes para esquiar.

VEJA TAMBÉM: 5 razões para visitar o Alasca nesta temporada

Quase todos os principais resorts desse tipo de destino tem pelo menos um ponto que merece destaque – alguns deles têm vários. Como conheci todos nos Estados Unidos, exceto o Taos, e fiquei hospedado em grande parte dos melhores hotéis de esqui do país, eu tenho uma boa base para referência.

Um dos excelentes hotéis para aproveitar a temporada é Jackson Hole, no estado de Wyoming, EUA.

O resort

O Jackson Hole Mountain Resort (JHMR) é um destino de esqui e snowboard amplamente considerado um dos melhores do mundo, e tem sido repetidamente classificado como o número 1 nos EUA. Eu, pessoalmente, o coloco como meu favorito de todos os tempos. Eu esquiei em Jackson nos últimos quatro invernos, incluindo três semanas atrás, e mais vezes nas últimas duas décadas do que me posso me lembrar.

Reprodução Forbes
Entre as grandes vantagens oferecidas pelo Four Seasons estão as atividades especiais com curadoria, como passeios privados guiados por naturalistas até os Parques Nacionais de Yellowstone e Grand Teton

O JHMR é famoso por suas encostas íngremes, penhascos, escarpas e terrenos extremos, e foi o primeiro resort no país a abrir o acesso lateral ao teleférico, em cooperação com o Serviço Nacional de Parques, triplicando efetivamente o tamanho da já imensa montanha. Como resultado, o local é o lar de muitos dos melhores esquiadores do mundo e a sede da gigante de produção de filmes de esqui e snowboard Teton Gravity Research.

Isso geralmente ofusca a realidade de que Jackson é um ótimo resort para praticantes intermediários e intermediários avançados, e possui uma excelente escola de esqui e um novíssimo centro de aprendizado – uma das melhores instalações do mundo – com sua própria gôndola. O ponto fraco é para os iniciantes que já sabem esquiar, pois há pouco terreno verde no local. Mas, para quem já esquia ou pratica snowboard em um nível intermediário, Jackson, apelidado de Big One, é o destino dos sonhos.

E AINDA: 10 melhores hotéis do mundo em 2018

Em uma época de consolidação de resorts de esqui corporativos, o hotel é também agradavelmente familiar, e mantém um espírito de fronteira que muitos adoram.

Apesar do nome, o resort de esqui Jackson Hole não está localizado em Jackson, Wyoming, que fica a cerca de 19 quilômetros de distância. Isso confunde muito os visitantes de primeira viagem, e Jackson é uma cidade incrível, cheia de ótimos restaurantes, bares e lojas com clima de Velho Oeste. Como a principal porta de entrada para Yellowstone e Grand Teton National Parks, é uma das poucas cidades de esqui que é mais movimentada no verão, por isso a maior parte do inverno é considerada baixa temporada. Existem algumas ótimas opções de hospedagem na cidade, como o relativamente novo hotel boutique Hotel Jackson, o clássico The Wort, recentemente reformado, e o Rusty Parrot, mais voltado para os serviços de spa.

Reprodução Forbes
O Four Seasons tem uma localização fantástica ao lado da trilha, e uma de suas assinaturas é a piscina e o complexo de hidromassagem

No entanto, grande parte dos esquiadores mais exigentes prefere ficar em Teton Village, a área de base da estação de esqui, para dormir e acordar nas encostas. O local tem seu próprio pequeno acervo de restaurantes impressionantes, lojas e hospedagem, e há várias boas opções imponentes, incluindo os hotéis-irmãos Terra e Teton Mountain Lodge e o mais novo player de luxo, o Caldera House, com oito acomodações. Estes são, tecnicamente, estabelecimentos ski-in/ walk-out. Mas se você quiser a melhor localização à beira da estrada em Teton Village e estabelecimentos verdadeiramente ski-in/ski-out – ou seja, você não terá que se deslocar para começar a esquiar diariamente, uma prioridade para alguns viajantes de inverno – o local é o Four Seasons Jackson Hole, um dos três hotéis de esqui Forbes 5 Estrelas nos Estados Unidos.

O hotel

Eu fiquei no Four Seasons logo depois que ele abriu, e algumas outras vezes desde então – mais recentemente nesta temporada. Em todo esse tempo, a propriedade só melhorou.

Reprodução Forbes
Tillie, o embaixador canino do hotel, é uma nova adição que regularmente entretém as crianças

Os hotéis de luxo das estâncias de esqui notoriamente encontram dificuldades para contratar – com muitos funcionários sazonais e treinamentos mais curtos. Talvez por ser um famoso Four Seasons bem administrado ou porque Jackson é um destino incomum durante todo o ano, com grandes negócios de verão, eles não têm esse problema por lá – o serviço é impecável. A maioria dos visitantes esquiadores realmente notará isso no elaborado ski valet batizado de Basecamp, onde parecem lembrar de todos os hóspedes ao recolher seus esquis na neve e oferecer ajuda constante para retirar e colocar suas botas de esqui. Com serviços completos de locação de alta qualidade, varejo com curadoria e equipe abundante e prestativa, o Basecamp é tão bom quanto os ski valets dos hotéis de luxo.

LEIA AQUI: 7 hotéis que farão todos os outros parecerem sem graça

O concierge, a equipe da recepção e da portaria, os motoristas, todos que encontrei são realmente eficientes. Se houve historicamente um ponto fraco neste estabelecimento foi no que diz respeito à gastronomia, mais especificamente no requintado restaurante Westbank Grill – que não é nada demais, especialmente pelo preço cobrado. No entanto, nos últimos dois anos, o Four Seasons tem contado com um gerente geral que iniciou sua carreira hoteleira como chef e tem se dedicado a resolver o problema.

Ao lado da trilha, fica o Handlebar, o local mais casual do resort e um dos mais flexíveis bares com acesso direto para esquiadores durante e após a prática. Sob o comando do chef celebridade Michael Mina, vencedor do James Beard e dono de uma estrela Michelin, o local domina a cena do almoço em Teton Village desde que foi inaugurado. Ele também traz uma sensação de capricho, com pretzels em forma de bigode com molho de queijo derretido e nachos com carne de bisão. O estabelecimento tem excelentes hambúrgueres. Aliás, este é certamente o único hotel Four Seasons no mundo onde você pode beber cerveja em uma caneca de vidro em forma de bota de cowboy. A cadeia, às vezes séria, quebrou suas próprias regras e, apesar das armadilhas de luxo, o resort é muito divertido.

Os quartos são a parte menos interessante de uma estadia por lá, típicos da rede, com banheiros luxuosos, mas de uma forma padrão. Agora, se você esperar algo realmente sofisticado, o Four Seasons também tem uma seção residencial, com vários apartamentos imponentes na área da piscina para locação.

Reprodução Forbes
Handlebar, casa do premiado chef celebridade Michael Mina, serve pratos saboroso ao longo de uma das pistas de esqui, tornando-o o point do famoso Jackson Hole Mountain Resort

O spa é excelente. A piscina ao ar livre, o complexo de banheira de hidromassagem e os petiscos de cortesia estão entre os destaques da marca. No entanto, a grande diferença nesta propriedade – além da melhor localização em Teton Village e da equipe incrível – são as experiências extras que eles acumularam ao longo dos anos. O Four Seasons faz parcerias com naturalistas e cientistas locais para oferecer excursões privadas de vida selvagem nos parques, passeios astronômicos e praticamente tudo que é possível imaginar e que a concorrência não oferece.

SAIBA MAIS: Hotéis de luxo oferecem passeios inusitados

Este ano, a programação passou a incluir uma sessão de astrofotografia e visitas aos bastidores com o artista em residência no hotel. Eles têm sua própria bilheteria e, nesta temporada, adicionaram aulas particulares de mixologia no bar, leitura e chocolate quente para crianças na casa do mascote Tillie, um cão bernese, além de uma coleção de esquis sob medida, que são especificamente projetados para as condições JHMR por artesãos locais de Idaho Sego Ski Corp., disponíveis para aluguel.

Toda vez que eu volto, o hotel parece ter algumas atividades novas e excitantes, e se o sucesso no negócio de hospedagem de luxo vem de tentativas incessantes, é fácil entender por que o Four Seasons Jackson Hole continua no topo.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).