BRF quer levantar R$ 5 bi em plano de reestruturação

iStock
A empresa pretende levantar R$ 5 bilhões em recursos

A empresa de alimentos BRF, atingida pelos efeitos da operação Carne Fraca no início do ano e por fechamento de mercados internacionais, anunciou hoje (29) que pretende levantar R$ 5 bilhões em recursos com um plano de reestruturação que envolve venda de suas operações na Argentina, Europa e Tailândia.

LEIA MAIS: BRF prevê captar até R$ 500 mi com venda de ativos

A companhia, dona das marcas Sadia e Perdigão, afirmou ainda que espera conseguir fechar 2018 com uma relação dívida líquida sobre lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 4,35 vezes, reduzindo esse múltiplo para abaixo de três vezes no fim do próximo ano.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).