LVMH termina parceria com marca de moda do Bono

Getty Images
Representantes da marca e do cantor irlandês Bono, vocalista da banda de rock U2 cujo nome verdadeiro é Paul Hewson, não responderam de imediato a pedidos de entrevistas sobre os próximos passos da marca

O grupo francês de artigos de luxo LVMH está rompendo com a marca sustentável Edun, lançada pelo cantor Bono e sua mulher, Ali Hewson, transferindo sua participação minoritária de volta aos fundadores. O conglomerado disse que a Edun está “reestruturando suas operações em preparação para seu próximo capítulo”, depois de uma revisão conjunta do negócio. “Os fundadores continuam comprometidos com a missão da Edun para moda sustentável”, disse comunicado conjunto enviado pelo LVMH.

LEIA MAIS: Bono e Thomas Friedman revelam três habilidades que os profissionais precisam ter hoje

Representantes da marca e do cantor irlandês Bono, vocalista da banda de rock U2 cujo nome verdadeiro é Paul Hewson, não responderam de imediato a pedidos de entrevistas sobre os próximos passos da marca.

O site “Business of Fashion” havia reportado anteriormente que a Edun iria terminar suas “operações atuais”, mas não ficou claro se a marca seria relançada.

Dados do registro de companhias da Irlanda mostram que a empresa estava no vermelho há anos, com prejuízo de US$ 6,3 milhões em 2016, de acordo com as últimas informações disponíveis, e perdas acumuladas de US$ 80,6 milhões.

A unidade é uma parte muito pequena do portfólio da LVMH, que inclui marcas multibilionárias como Louis Vuitton e Christian Dior, assim como a produtora de champanhe Moët & Chandon.

Lançada em 2004, a Edun trabalha com artesãos e oficinas de tecelagem em Ruanda, Quênia e África do Sul para ajudar a promover um comércio mais justo e tenta utilizar materiais de forma sustentável, como tecidos reciclados.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).