Alibaba e Tencent negociam unidade chinesa da WPP

Getty Images
Acordo avaliaria a empresa entre US$ 2 bilhões e US$ 2,5 bilhões

Os conglomerados chineses Alibaba e Tencent estão envolvidos em conversas para comprar uma fatia minoritária na unidade chinesa da gigante publicitária WPP, informou a “Sky News” no último sábado (21), citando fontes não identificadas.

VEJA TAMBÉM: WPP começa nova fase sem Sorrell no comando

A “Sky News” disse que as empresas, junto com a China Media Capital Holdings (CMC), estavam em discussões iniciais sobre comprar aproximadamente 20% da WPP China em um acordo que avaliaria a empresa entre US$ 2 bilhões e US$ 2,5 bilhões.

Um porta-voz da WPP não quis comentar. O maior grupo publicitário do mundo está no meio de uma mudança de liderança. O fundador Martin Sorrell saiu em abril após uma queixa de má conduta pessoal. O presidente-executivo, Roberto Quarta, disse mês passado que a busca por um substituto para Sorrell estava bem avançada.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).